A importância do ultrassom no diagnóstico e acompanhamento de artrite

Por ser uma doença que oscila entre períodos de atividade e remissão, a artrite reumatoide pode não ser reconhecida de início. Seus sintomas comuns, como dor e inchaço, podem ser confundidos com outras patologias, como a artrose.

Assim, o ultrassom se tornou um importante aliado no diagnóstico da artrite e acompanhamento da doença no paciente.

Existem algumas vantagens do ultrassom em relação a outros exames de imagem: não há exposição à radiação, tem capacidade de formar imagens em diferentes planos, preço acessível, rápida execução e possibilidade de ser repetido várias vezes.

O ultrassom identifica a inflamação articular que não é detectada pelo exame clínico, principalmente em articulações menores, como das mãos, que são as mais afetadas pela doença. Além disso, também é eficiente na avaliação de erosão óssea e dano da cartilagem articular.

O exame ultrassonográfico, aliado ao exame físico, também é capaz de monitorar a artrite reumatoide para que o tratamento seja mais eficiente. Ele permite guiar a aplicação de medicamentos nas infiltrações articulares, oferece uma melhor visualização e posicionamento das agulhas no local.

Suas múltiplas possibilidades tornaram o ultrassom um exame essencial, não só para a artrite reumatoide, mas para outras doenças reumatológicas. Quer saber mais sobre o assunto? Entre em contato com a Ultrarticular e agende sua consulta.

Fonte: Ultrarticular

Olá, participe da conversa, deixe o seu comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Artigos Relacionados

Que tenhamos sempre Paciência e Fé em Deus!

Aos 24 anos, fui diagnosticada com psoríase, além das lesões, no corpo, que me deixavam deprimida pelo aspecto de feridas, que não cicatrizam, todas...

Pare de testar sua doença

Eu aposto que você já quis parar o remédio só para ver se não precisava mais dele. E se você fez isso, aposto que se...

Obesidade deve ser tratada com a mesma seriedade que a artrite reumatoide

A obesidade é uma doença que deve ser tratada, com a mesma seriedade que tratamos a artrite reumatoide. Convivo com AR há 15 anos...