Governo convocará Beneficiário do LOAS (BPC) para realizarem cadastro nacional

Todos os beneficiários do LOAS – BPC, serão convocados para revisão do “direito assistencial” e cadastramento no Cadastro Único para Programas Sociais.

Cerca de 60% das pessoas que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) não estão inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. Para aprimorar a gestão do benefício, o governo federal assinou nesta quinta-feira (7) um decreto que prevê a inscrição obrigatória no Cadastro Único e no Cadastro de Pessoa Física (CPF).

Atualmente, 4,2 milhões de pessoas recebem o BPC, ao custo anual de R$ 39,6 bilhões. A Lei Orgânica da Assistência Social (Loas) estabelece que o benefício seja revisto a cada dois anos, mas a revisão não é feita pelo Instituto Naci_onal do Seguro Social (INSS) desde 2008.

Beneficiários do LOAS – o Benefício de Prestação Continuada (BPC), serão convocados por carta para se cadastrarem no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, que é o cadastro nacional utilizado nos programas sociais como o Bolsa Família. Atualmente o LOAS – BPC, é pago para pessoas maiores de 65 anos que não contribuíram para a Previdência Social e para as pessoas que por motivo de deficiência ou doença, sem a condição de segurados, não possuem condições de trabalhar.

O objetivo deste cadastro é cruzar os dados e avaliar se o beneficiário do LOAS/BPC cumpre os critérios para receber o benefício assistencial. Segundo o secretário do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, Alberto Beltrame, o LOAS – BPC, deve ser revisto a cada dois anos, no entanto desde 2008 essa revisão não é realizada. Com essa medida o Governo espera uma economia de R$ 800 milhões de reais.

Não é necessário ir ao INSS, todos os beneficiários do LOAS-BPC, serão convocados por carta.

Fonte: Ministério do Planejamento Social

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

23 Comentários

  1. Gostaria de saber se uma pessoa com curso superior tem direito a receber o beneficio loas?

    • Para se cadastrar no CadÚnico é preciso levar os comprovantes de endereço e renda, além de documentos pessoais como rg, cpf, certidão de casamento e/ou nascimento.

  2. Olá bom dia alguém sabe me informar se quando do a gente passa pela pericia social eles vem em casa e oque ele vem vem fazer em casa?

  3. oi, tem como retirar dos dados cadastrais pessoas da familia que nao moram mais com o beneficiario do loas?

  4. Uma pessoa. que tem a mae que pensionista tem 80anos de idade , tem uma filha que tem labirintite crônica nunca trabalhou e nunca contribuiu para o inss .tem um irmão de 52 anos desempregada . Esse mês recebe um pouco mais do que dois salario minimo .. está. Filha pode receber o. Beneficio loas ?

    • Se os 4 familiares residirem no mesmo local não tem direito, pois o LOAS é concedido à pessoas que tem renda familiar referente a 1/4 do salario minimo por pessoa que mora na residência.

      • ola Priscila bom dia, meu esposo tem auxilio doença e recebi o um beneficio do inss um salario minimo ,porque eli e rabalhador rural e tem mais de 2 anos ja .eli teve; hansenise, paracocodiomicose pumonar ,trobonbose venosa profunda,nas duas pernas.sobre a hanse eli ficou com sequela com perda de força,falta de semsibilidade.da TB eli fes exame o Douple ficou com sequela cronica,nao aguenta trabalhar mais .eli fes otratamento da hansenise por um ano em 2015 agora voltou em 2017 a fase o tramento por mais um ano d novo ,pois amedica falou que um ano nao foi suficiente pra eli, pois sempre tava fasendo reaçoes,gostaria que vc entrassi em contato comigo meu zap e 063 984870221 .pra mi tirar outras duvidas com vç.

  5. eu preciso saber se todos que recebi auxilio doença e obrigatorio fase este cadastro no cras?

Olá, deixe um comentário!