Dose semanal de leflunomida é tão eficaz quanto a dose diária em pacientes com artrite reumatoide inicial

O objetivo deste estudo foi determinar a eficácia e segurança de uma dose semanal de leflunomida (50 mg/semana) em pacientes com artrite reumatoide leve a moderada. Estes com artrite reumatoide inicial (ARI) foram selecionados para o estudo e randomizados para o grupo tratamento (leflunomida 50 mg/semana, LEF 50) ou para o grupo controle (leflunomida 10 mg/dia, LEF 10). Todos os pacientes foram tratados durante 24 semanas. A eficácia clínica foi avaliada utilizando o escore de atividade da doença em 28 articulações (DAS28) – taxa de sedimentação de eritrócitos (ESR) – e a taxa de resposta da Liga Europeia Contra o Reumatismo (EULAR).

Um total de 244 pacientes que preencheram os critérios de inclusão e receberam pelo menos uma dose de medicamento foram avaliados. No início do estudo, o DAS28(ESR) dos pacientes com ARI era de 4,41 no grupo LEF 50 e 4,52 no grupo LEF 10. Na semana 24, o DAS28 (ESR) diminuiu significativamente nos grupos LEF 50 e LEF 10 (2,94 e 3,02, respectivamente), sem diferenças significativas. Nas semanas 8, 12 e 24, a taxa de resposta EULAR (boas respostas e respostas moderadas) foi de 47,6%, 58,7% e 59,5% no grupo LEF 50 e 43,2%, 49,1% e 53,4% no grupo LEF 10, respectivamente. Nenhum efeito adverso grave foi reportado durante o estudo. Os pesquisadores concluíram que uma dose semanal de 50 mg de leflunomida mostrou benefícios semelhantes a uma dose diária de 10 mg de leflunomida para o tratamento da artrite reumatoide inicial leve a moderada.

Posologia utilizada no estudo

Cápsulas de Leflunomida Semanal para o Tratamento da Artrite Reumatoide

Mirtazapina_____________50 mg

Excipiente qsp_________1 cápsula

Administrar 1 cápsula por semana ou conforme orientação médica.

Referencias: Ren LM1, Li R1, Chen LN2, Zhu P2, Gu F3, Sun LY3, Zhao JX4, Liu XY4, Guo JL5, Bi LQ5, Hao YJ6, Zhang ZL6, Mei YF7, Zhang ZY7, Liu HX8, Li XF8, Luo Y9, Fang YF9, Li ZG1, Su Y1.Efficacy andsafetyofweeklyleflunomide for thetreatmentofearlyrheumatoidarthritis: a randomized, multi-centerstudy.Int J RheumDis. 2015 Aug 13. doi: 10.1111/1756-185X.12677. [Epubaheadofprint].

Fonte: Consulfarma

Social Media
Social media manager, digital influencer, blogueira, youtuber e redatora, ativista em saúde motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide há 7 anos, patient advocacy, mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Social media manager, digital influencer, blogueira, youtuber e redatora, ativista em saúde motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide há 7 anos, patient advocacy, mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

2 Comentários

  1. Boa tarde Priscila!
    Meu Nome é Mara e sou portadora de AR.
    Estou fazendo uso da leflunomida a mais de uma ano! Estava muito bem! A doença estava em remissão. Só q tomava o ARAVA q pegava no posto de saúde. E a alguns messes o posto passou a fornecer o medicamento GENÉRICO e coincidiu com a volta das dores e a doença voltou sua atividade!! VC tem conhecimento de alguém q tenha tido o mesmo problema com a LEFLUNOMIDA GENÉRICO?

    • Leflunomida e Arava são a mesma coisa, Arava é o nome comercial do componente Leflunomida, você não está tomando generico, só está tomando um medicamento que não tem a MARCA na caixa.

Olá, deixe um comentário!