Emagrecer tomando corticoide é possível, afirma a Fabiana!

Meu nome é Fabiana e há um ano exatamente fui diagnosticada com AR e isso me abalou, meu médico disse que teria que usar corticoide e isso me deixou super pra baixo!
Sempre fui gordinha e fiquei super com medo do efeito colateral do corticoide. Foi aí então que resolvi mudar minha vida. Comecei com o equilíbrio na alimentação e fazer caminhadas e então perdi 12 quilos em 6 meses e logo entrei na academia e se foram mais 8 kg.
Em um ano perdi 20 kg mesmo tomando corticoide, eu só tinha duas saídas: uma era me entregar e botar a culpa nos remédios e a outra era não deixar que eles me maltratasse. …uma vez que essa doença maldita já se encarrega disso!
Hoje eu tomo 15 MG e as vezes até mais de corticoide, Vimovo e Relquinol. Essa sou eu! Até mais!

Fabiana-20-quilos-menos

Conheçam a Fabiana Alves

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

26 Comentários

  1. Show, Fabiana!!! Me passa a sua dieta? Faço tratamento pra lúpus e tomo muitos medicamentos, entre eles o corticóide. Já se passaram três anos e estou com 15 kg à mais. Isso é horrível!!!

  2. oi…parabéns!!! estou começando agora meu tratamento e estou bem assustada,mas cheia de planos para mudar minha alimentação toda também !Obrigada por compartilhar que é possível vencer o corticóide!

  3. Oi.eu também tomo corticóide (25 Mg. Predinisona)antes eu tomava 60.Sou portadora de uma insuficiência cardíaca causada por uma arterite(arterite de takayasu)
    Engordei 25 kgs de 2012 pra cá não consigo perder peso de jeito nenhum sua história me deu esperanças de que realmente dá pra emagrecer,e só ter força de vontade. Parabéns

  4. Parabéns pela sua força de vontade! Eu to bem determinada a não inchar tanto com o corticóide, estava tomando 60mg e agora consegui reduzir pra 30, mas como minha doença atinge a bacia não tenho como fazer exercicios, estou de muletas… Mas vou ficar firme pelo menos na alimentação! Boa sorte!!! 🙂

  5. Fabiana estou na segunda fase de um câncer de mama e tive uma reação alérgica ao medicamento, e terei que usar corticites, ja estou bem acima do peso, por favor, me diga o que vc fez, quero comecar o mais rápido possível. Obrigada! Como muita besteira, e partir de hoje, ja cortei. Peco sua ajuda.

    • Olá, Aline
      Para usar corticoide sem engordar, devemos cuidar da alimentação, beber muita água, consumir pouco sal, evitar comidas gordurosas e refrigerante. Controlando a alimentação diminuímos o inchaço e ganho de peso.
      Estimo uma boa recuperação.

      Abraço
      Pri

  6. Ola eu tbm tomo corticóide a tempos e vivo em efeito sofona,mas com uma alimentação regrada consegui eliminar 16 kilos mas sofro pq sempre temos q esta na dieta.

  7. Olá, boa noite

    Nossa, que felicidade encontrar algo positivo.

    Tenho lido muito sobre depoimentos de quem usa corticoide e confesso estar apavorada.

    Hj fui ao médico e como tenho colite ele incluiu o corticoide no tratamento. O tratamento com corticoide vai durar um mês, começando com 60 mg ao dia, por uma semana e vai reduzindo até chegar a 5 mg ao dia. Esse tratamento de uma vez, será que já é suficiente para causar tantos efeitos colaterais? Achei maravilhoso essa sua determinação de emagrecer mesmo com o corticoide. Quero muito seguir seu exemplo. Já estou acima do peso, e não posso engordar mais.

    Bjs

    • Olá, Eliane!!
      Super forças neste objetivo, com muita disciplina e determinação é possível usar o corticoide e controlar o excesso de peso! #Forças é possível!

  8. Fui diagnosticada com neuromietite optica. Comecei fazendo pulsoterapia. Em maio foi prescrito 60mg de predinisona. Hoje tomo 10 mg. Engordei 8kg. Não posso parar de tomar cortisona. Preciso eliminar pelo menos 04 kg. Espero conseguir.

    • Victoria, eu “Priscila Torres” também já tive neurite ótica, e também, já tomei essa dose de prednisona, após inúmeras doses de pulsoterapia, a única forma de evitar o excesso de peso é consumir bastante líquidos, tomando água e sucos naturais, sem adição de açucares, com uma alimentação saudável, com bastante legumes e frutas, evitando sal e gordudas, é bom também tentar retirar todo tipo de farinha branca e substituir o açucar por adoçante, essa é uma época bem dificil para fazer tudo isso, principalmente por conta do período de festas. Estimo sua recuperação! Dê notícias.

  9. Ola priscila tomo corticoides ha algum tempo e engordei 30 kg..estou muito pra baixo alem do ganho de peso tive outros efeitos como acne, estrias vermelhas, e a síndrome de cushing que deixa seu rosto em formato de lua..tive tbm aumento de pêlos no corpo principalmente no rosto, alguém tem alguma dica para amenizar estes efeitos?

    • Suh, a única solução efetiva é ir ao médico e ter uma conversa sincera, pedir para que o médico verifique a necessidade de manter o uso de corticoide e pedir para que o corticoide seja substituído por outro medicamento mais moderno e com menores efeitos colateraisl hoje, temos uma infinidade de medicamentos que são fornecidos pelo SUS, não existindo a necessidade de ficarmos reféns do corticoide. Converse sério com o seu médico e enquanto isso, controle a dieta, evitando gorduras e sal, tomando mais de 2 litros de agua por dia, isso ajuda bastante.

  10. O médico me passou corticoide para tomar, 15 dias tomando, eu posso ter efeitos colaterais, tomando apenas esses 15 dias? Aguardo resposta, Obrigada!! <3

    • É possivel sim, mas você deve tomar pelos beneficios e não pensando em efeitos colaterais.

  11. Faço tratamento para Asma,a dez anos faço o uso de corticóide inalatorio,nesse período,engordei 30 kg,o problema não é só pelo inchaço,pois o corticóide aumenta a fome,me deixa meio depressiva e muito preguiçosa,nao é fácil conviver com isso.

  12. Fui diagnosticada com toxoplasmose, e comecei tratar com prednosona 60mg e bactrin. Estou tendo efeitos colaterais, como insônia, taquicardia, fadiga, pequenas alucinações dormindo, esquecimentos e estou morrendo de medo. Obrigado pelo seu blog, me deu ânimo para continuar ….

    • Olá Andressa, você deve relatar esses efeitos colaterais ao seu médico que te acompanha, para saber se os efeitos são da medicação ou algum outro problema de saúde.

  13. Oi ouvindo esses comentários fico muito feliz,uso o corticoide há três anos,fui diagnosticada com urticária cronica, estou tomando 20mg,porem as vezes estou muito atacada tenho que tomar uma dose maior,depois que comecei a tomar engordei 30kg,e sempre estou com a alto estima muito baixa,choro todos os dias quando me olho no espelho,e também sinto muita fome.
    Quero muito desinchar. Estou na esperança!

  14. Oi. Fui diagnosticada também com AR, sendo que junto com ela a vasculite nos membros inferiores. Minha reumatologista me prescreveu de início 12mg de deflazacorte diariamente e 100 mg de azatioprina. Sempre fui gordinha , mas com o corticoide estou com a luta maior ainda na balança . O feito sanfona aumentou drasticamente. Peso 73kg atualmente, pesava 70kg. E não consigo perder . Eu tinha uma vida de exercícios físicos e uma boa alimentação . A alimentação eu continuo …. na eterna dieta da minha vida , sendo que minha médica me proibiu exercícios fora d’Água. Entrei na hidroginástica, confesso não gosto e não vejo resultado ! O que eu posso fazer pra perder peso usando essas medicações?

    • Kamilla você pode buscar se adaptar a um tipo de exercícios que você sobretudo goste. Eu, prefiro a musculação e odeio a hidroginástica. Existe o pilates, exercícios aeróbicos e até mesmo a dança. Todas essas atividades podem ser realizadas com o cuidado de evitar a sobrecarga articular. Converse com sua médica.

Olá, deixe um comentário!