Órteses para proteção articular de punhos em pacientes com artrite reumatoide

Proteção articular, conservação de energia e prevenção de deformidades são as principais indicações das órteses de mãos e punhos na artrite reumatoide.

A artrite reumatoide acomete com mais frequência as pequenas articulações, com as das mãos e dos punhos, podendo causar deformidades e comprometimento na função manual, quando submetidas ao impacto da realização das atividades de vida diária. Como medida preventiva de lesões por esforços repetitivos, por sobrecarga articular em situações que é necessário pegar peso ou carregar por exemplo sacolas, é recomendado a utilização de proteção articular através do uso de órteses. As técnicas de proteção articular são orientadas pelo “Terapeuta Ocupacional”, profissional especializado e capacitado para orientar o uso e produzir órteses para cada necessidade do paciente.

O Terapeuta Ocupacional (TO), pode ser encontrado em clínicas de fisioterapia ou clinicas de reabilitação física, ao receber um paciente com artrite reumatoide, o Terapeuta Ocupacional realiza uma consulta onde através de instrumentos de avaliação funcional, são determinados as técnicas de proteção articular  e orientações funcionais necessárias, que visam sempre, além de proteger a articulação, manter a mobilidade, controlar a dor, diminuir a fadiga e aplicar princípios ergonômicos e biomecânicos para a realização das atividades de vida diária.

O que são órteses?

As órteses são recursos usados por terapeutas ocupacionais para promover melhor suporte articular, reduzir a dor e aprimorar o desempenho funcional do paciente, evitando contraturas articulares. Existem vários modelos que são indicados conforme a necessidade de cada paciente.

Qual a função das órteses?

As principais indicações são para o controle da dor, diminuição da rigidez matinal, fornecimento de suporte mecânico para as articulações, favorecimento do movimento e funcionalidade articular, podendo ser utilizada ainda em situações pós-operatórias

Tipos de órteses, usadas nas mãos e punhos?

O Terapeuta Ocupacional pode desenvolver órteses personalizadas para cada necessidade do paciente, seja para a realização das atividades de vida diária ou para o repouso articular. Essas órteses na cidade de São Paulo 

Exemplos de órteses para membros superiores indicadas para pacientes com AR. Fonte: Terapia ocupacional na artrite reumatoide: o que o reumatologista precisa saber?

Órtese de Repouso dorsal

Órtese de Repouso dorsal -Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Indicada para alterações neurológicas em casos de AVE (“derrames cerebrais”), paralisias cerebrais; ou alterações reumatológicas em casos de artrites ou tendinites. Proporciona repouso por meio do posicionamento que baseia-se na biomecânica articular. Confeccionada em material termoplástico que permite a modelagem e confecção diretamente na mão afetada respeitando as diferenças anatômicas individuais.

Órtese para Extensão Dinâmica dos Dedos

Órtese para Extensão Dinâmica dos Dedos –Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Indicada para lesões tendíneas, fraturas e outras alterações ortopédicas conseqüentes de traumas nas mãos. Proporciona ganho de força muscular e posicionamento baseados na biomecânica articular. Confeccionada em material termoplástico que permite a modelagem e confecção diretamente na mão afetada respeitando as diferenças anatômicas individuais.

Órtese de apoio para o punho (ou cock-up ventral)

Órtese para o Punho – Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Indicada para alterações neurológicas em casos de AVE (“derrames cerebrais”), paralisias cerebrais; reumatológicas em casos de tendinites ; e ortopédicas em casos de fraturas e reabilitação pós-operatória. Proporciona repouso por meio do posicionamento que baseia-se na biomecânica articular. Confeccionada em material termoplástico que permite a modelagem e confecção diretamente na mão afetada respeitando as diferenças anatômicas individuais

Órtese para apoio da base do polegar

Órtese para apoio da base do polegar -Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Órtese de posicionamento funcional da articulação que forma a base do polegar (articulação trapézio-metacarpiana) indicada para alterações ortopédicas e reumatológicas em casos de artrites ou desgastes articulares da articulação denominada trapézio-metacarpiana (rizartrose). Proporciona redução da dor e repouso por meio do posicionamento que baseia-se na biomecânica articular. Confeccionada em neoprene® modelada respeitando as diferenças anatômicas individuais.

Órtese para Artrite Reumatoide

Órtese para Artrite Reumatoide -Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Órtese de posicionamento dos dedos para evitar o desvio lateral (desvio ulnar) dos mesmos. Indicada para alterações reumatológicas em casos de artrites reumatoides. Proporciona repouso por meio do posicionamento que baseia-se na biomecânica articular. Confeccionada em neoprene® o que proporciona maior conforto e adaptação permitindo maior funcionalidade.

Órtese para abertura do polegar (primeiro espaço interdigital)
Primeiro Modelo

Órtese para abertura do polegar -Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Órtese de posicionamento funcional da articulação que forma a base do polegar (articulação trapézio-metacarpiana) indicada para alterações neurológicas em casos de paralisia cerebral. Proporciona abertura (ou abdução ) do espaço existente entre o polegar e o dedo indicador proporcionando a manipulação de objetos maiores. Atuando também na preservação das estruturas articulares por meio do posicionamento que baseia-se na biomecânica previamente estudada. Confeccionada em material termoplástico que permite a modelagem e confecção diretamente na mão afetada respeitando as diferenças anatômicas individuais.

 Órtese para abertura do polegar (primeiro espaço interdigital)

Órtese para abertura do polegar – Fonte:Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

Órtese de posicionamento funcional da articulação que forma a base do polegar (articulação trapézio-metacarpiana) indicada para alterações neurológicas em casos de paralisia cerebral. Proporciona abertura (ou abdução ) do espaço existente entre o polegar e o dedo indicador proporcionando a manipulação de objetos maiores. Atuando também na preservação das estruturas articulares por meio do posicionamento que baseia-se na biomecânica previamente estudada. Confeccionada em neoprene® o que proporciona maior conforto e adaptação permitindo maior funcionalidade.

Converse com o seu reumatologista e consulte um terapeuta ocupacional! 

Referências:

Fotos e textos sobre as órteses: Dra. Profª Dra: Patrícia Neto Barroso

  • Terapeuta ocupacional pós-graduada em Reabilitação da Mão – USP;
  • Doutora e Pós-doutora em Bioengenharia UFMG e UFRJ;
  • Membro efetivo e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Terapia de Mão;
  • Curso de aperfeiçoamento oferecido pela “International Federation of Societies for Hand Therapy”, IFSHT, Canadá;
  • Extensão universitária em Estágios:
  • “The Philadelphia Hand Center”, “Regional Hand Center”, “Cleveland Clinic Florida e “Center For Sports Medicine and Rehabilitation” – Estados Unidos;
  • “InstitutEuropéen de la Main” – França;.
  • Experiência acadêmica em cursos de graduação e Pós-graduação em reabilitação do membro superior da FCMMG, USP, UFMG, PUCMG e UNIPAC.
    Terapia ocupacional na artrite reumatoide: o que o reumatologista precisa saber?http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0482500414002101
  1. Karla thaos amaral silva Diz

    Bom dia
    Qualquer pessoa que tenha artrite reumatoide pode ultilizar as ortoses?.Sou artesã e sempre estou fazendo movimentos delicados com as mãos,tenho muito medo da deformidade.Sou totalmente leiga sobre a AR pois descobri a apenas 5 meses.E nao conjeco ninguem que tenha para me ajudar nas duvidas.Desde ja agradeco.

    1. Priscila Torres Diz

      A ortese deve ter prescrição médica, pois existem diversos modelos para diversas funções, fale com seu reumato.

  2. cassia Diz

    POde passar o site de lojas de orteses..minha medica me passou algumas, mas na loja que olhei era muito cara…

    1. Priscila Torres Diz

      Cassia, você deve procurar por um profissional terapeuta ocupacional, pois eles fabrica orteses moldadas para sua necessidade e o custo costuma ser menor do que os valores das órteses compradas prontas.

Olá, participe da conversa, deixe o seu comentário.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

if (d.getElementById(id)) {return;} js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "https://connect.facebook.net/en_US/sdk.js"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));
%d blogueiros gostam disto: