ReumaBlogs

Fevereiro Roxo – Fibromialgia, Lúpus e Alzheimer

Chegamos ao Fevereiro Roxo, mês da conscientização sobre a Fibromialgia, Lúpus e Alzheimer.

Você conhece a história desta campanha?

A campanha do Fevereiro Roxo foi criada em 2014, na cidade de Uberlândia (Minas Gerais). Seu lema é: “se não houver cura, que ao menos haja conforto”, pois apesar de serem doenças distintas, elas compartilham da mesma característica: são incuráveis, e o diagnóstico e tratamento precoce são primordiais para garantir o bem-estar dos pacientes.

Convido vocês a conhecer um pouquinho de cada uma delas:

Lúpus é uma doença inflamatória crônica de origem autoimune, cujos sintomas podem surgir em diversos órgãos. São reconhecidos dois tipos principais de lúpus: o cutâneo, que se manifesta apenas com manchas na pele (geralmente avermelhadas, principalmente nas áreas que ficam expostas à luz solar (face, colo e braços) e o sistêmico, no qual um ou mais órgãos internos são acometidos causando dor articular, febre , fadiga, queda de cabelo, úlceras orais, podendo atingir pulmão, coração, rim e sistema nervoso central.

Acomete com maior prevalência em mulheres jovens e seu diagnóstico é feito com a  ajuda de exames laboratoriais.

Fibromialgia é uma síndrome dolorosa crônica, que cursa com dor generalizada, acompanhada por fadiga e alterações no sono, na memória e no humor.

A fibromialgia é um problema bastante comum, com prevalência de 2,5% na população brasileira. Acomete mais as mulheres que os homens.

Seu diagnóstico é exclusivamente clínico, ou seja não há exames que o comprovem.

Doença de Alzheimer é uma doença neuro-degenerativa, caracterizada pela degeneração do tecido do cérebro.

Os sintomas principais são perda de memória, especialmente a memória recente; confusão, problemas na linguagem, dificuldade para realizar atividades habituais etc.

Em 60 a 80% dos idosos, a causa da demência é a doença de Alzheimer. A existência em pessoas com menos de 65 anos de idade é rara.

O diagnóstico é realizado através do exame físico e mental, com auxílio de exames laboratoriais e de imagem. Vamos divulgar!

#REPOST @larissasouza.reumato

Artigos Relacionados

Autoimunidade

Priscila Torres

É possível ter artrite artrose ao mesmo tempo?

Priscila Torres

O remédio abaixa a minha imunidade?

Priscila Torres