Notícias

Exercício físico pode auxiliar a reduzir pressão arterial em pacientes hipertensos

Estudo brasileiro, publicado em revista científica, demonstrou que apenas oito minutos de atividades isométricas podem ajudar no tratamento da enfermidade

Recente estudo publicado na renomada revista internacional Medicine & Science in Sports & Exercise demonstrou que uma única sessão de exercício isométrico (estático), por apenas oito minutos, é capaz de reduzir os valores pressóricos de pacientes hipertensos por, no mínimo, uma hora após a atividade.

A inovação foi que o autor, Rafael Vieira Olher, orientado pelo professor Milton Rocha de Moraes, pesquisador do Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Educação Física da Universidade Católica de Brasília (UCB), utilizou apenas dois aparelhos para que o treinamento fosse realizado: um Leg Press (para membros inferiores) e um supino (membros superiores). Isso favorece a uso em pequenos espaços e a baixo custo, com boa aplicabilidade em clínicas, hospitais, instituições de longe permanência, condomínios e consultórios médicos.

O professor dr. Milton Rocha de Moraes, coordenador do grupo de estudos em Treinamento de Força na Saúde e Reabilitação, explica que este é o primeiro estudo a utilizar uma grande massa muscular na execução do exercício estático e com equipamentos populares de academia para verificar a hipotensão pós-exercício. “Os demais estudos utilizaram um dinamômetro de preensão palmar [pequena massa muscular] ou equipamentos caros de laboratórios”, afirma o especialista.

Mesmo trabalhando com grandes grupos musculares, o exercício isométrico com intensidade moderada foi seguro. Para verificar a segurança cardiovascular, usaram o método oscilométrico de medida de pressão e frequência cardíaca, com um equipamento validado, capaz de detectar arritmia cardíaca, o que traz maior segurança para trabalhar com populações de cardiopatas.

O equipamento oscilométrico de medida cardiovascular usado na pesquisa foi o Monitor de Pressão Arterial Automático de Braço MAM-PC BP 3AC-1 PC Microlife®, comercializado pela MedLevensohn e cedido para realização do estudo. De acordo com o CEO da empresa, José Marcos Szuster, a companhia visa ampliar o acesso à prevenção e qualidade de vida da população. “Auxiliar em pesquisas científicas é uma forma de promover boa saúde aos brasileiros”, diz.

Os autores destacam a importância da prática de exercícios de força ou exercícios resistidos, como a popularmente conhecida musculação ou ginástica com pesos, para reduzir os riscos de doenças cardiovasculares, aumentar a força muscular e a sobrevida dos pacientes.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), as doenças cardiovasculares são as principais causas de morte no mundo. O exercício físico e a dieta balanceada são medidas não-farmacológicas recomendadas no controle da hipertensão arterial e a principal linha de frente para a maioria dos pacientes. O pesquisador destaca que exercício de força isométrica com intensidade moderada também pode ser usado como adjuvante no controle da pressão alta e oferece vantagem para pacientes com problemas articulares que sentem dor ao fazer o movimento, como, por exemplo, idosos hipertensos.

Contudo, o professor alerta antes da prática de qualquer exercício pacientes hipertensos devem fazer uma avaliação com o médico cardiologista. E sempre procurar profissionais de educação física para adequada prescrição do exercício físico.

Sobre a MedLevensohn
Distribuidora brasileira especializada em saúde, que oferece, além de sistema de testes rápidos, produtos e serviços que auxiliam no diagnóstico, monitoramento e tratamento de doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão arterial, colesterolemia e Acidente Vascular Cerebral (AVC).

No mercado há mais de 15 anos, é distribuidora e importadora Master Dealer, referência de alta tecnologia, segurança, agilidade e preço competitivo na promoção da qualidade de vida e bem-estar de seus clientes e parceiros. Em 2019, conquistou a marca de um bilhão de tiras de glicemia On Call Plus distribuídas no Brasil. Isso torna a empresa a maior distribuidora da fábrica Acon no mundo, superando, inclusive, companhias chinesas.

Está presente em todo o território nacional, por meio da sua Rede de Distribuição. Possui sede no Rio de Janeiro, um Centro de Distribuição em Serra (ES) e filiais em São Paulo e Belo Horizonte. Também presta serviços em nível nacional para órgãos públicos, setor hospitalar, varejista e público médico.

Fonte: Assessoria de imprensa.

Related posts

Instituto de Ortopedia da USP testa nova técnica para tratar artrose do joelho

Priscila Torres

Pesquisadores norte-americanos apontam dados alarmantes sobre uso de opiáceos nos Estados Unidos, enquanto, no Brasil, especialista considera que prescrição ainda é restrita

Priscila Torres

Fé em Deus,muita força e iremos vencer.

Priscila Torres
Loading...