ReumaBlogs

Autocuidado: Ansiedade e dor – Desafios diários, mudanças incríveis

O autocuidado é um propulsor para melhorar o nosso mundo particular, são os desafios diários que nos impulsionam a transformações constantes, quando tudo está BEM não queremos mudanças apenas desejamos manter-nos como estamos, mas a vida é cheia de desafios e adaptações é neste momento que reexaminamos a vida, toda fez que encaramos a ansiedade e a dor existente temos a possibilidade de refletirmos sobre a forma que estamos vivendo.
.
Existem mudanças externas como as que estamos presenciando neste momento de coronavírus direcionado ao aprimoramento Mundial com os desafios constantes no âmbito da saúde, educação, política, economia que afeta diretamente nossas vidas, mas existe também o fluxo das mudanças internas psicológicas, espirituais, crescimento pessoal onde a grande diferença que você pode fazer ao mundo é mudar a si mesmo e assim também contribuir para uma mudança Positiva Mundial, uma vez que transformações externar e internas nos ensinam que são entrelaçadas e unificadas.
.
Então quando você confronta a sua dor e ansiedade naturalmente existirá desafios diários, mas que podem te guiar a processos de auto-reflexão, auto-observação, auto-análise propiciando o entendimento que a felicidade não está no destino, mas na jornada já existente! Não negligencie o seu processo de auto-conhecimento, existe muita sabedoria na dor e na ansiedade que você experiência. .
Talvez seja o momento para reconhecermos que não temos total controle sobre nossas vidas, mas podemos passar pelos desafios diários cuidando dos nossos momentos com leveza.
.
Começando pequeno! Simplificando a VIDA!
.
Existe só uma coisa que necessita ser feita diariamente, cuidar de si de forma gentil e quem sabe se permitir passar por períodos difíceis gerando mudanças incríveis.

#REPOST @dra.marina.barbosa

Related posts

Síndrome ASIA

Priscila Torres

Ergonomia – Como manter a postura adequada trabalhando de casa?

Priscila Torres

Autoeficácia do paciente com artrite

Priscila Torres
Loading...