Notícias

Apaixonada pelo Botafogo, menina de 5 anos se irrita ao ganhar camisa do Fla e conquista o jogador Honda: “eu amo essa garota”

 

Os temas de festas infantis de meninas sempre são muito delicados, com muito brilho e cor de rosa. Mas não quando a aniversariante em questão é apaixonada pelo time do coração. Anna Luíza de 5 anos, de Santarém, no oeste do Pará, bateu o pé e intimou a família: “Quero uma festa do Botafogo”.

Bolo preto e branco, todo personalizado com itens do Fogão. A aniversariante trocou os vestidos de princesa pelo uniforme do time do coração.

A festa estava perfeita para ela, exceto quando ela recebeu um presente inusitado em uma trolagem dos amigos: uma camisa do Flamengo, que claro, irritou muito a aniversariante que recusou o “presente de grego” e a reação da menina foi registrada pelos amigos e em questão de segundos repercutiu nas redes sociais. (veja o vídeo abaixo)

A repercussão foi tão grande, que o vídeo da “trolagem” alcançou uma proporção tão grande e foi parar nas redes sociais do jogador do Botafogo, Honda. O atleta se encantou com a Anna Luíza e se declarou um apaixonado pela pequena Botafoguense.

– Eu amo essa garota – disse Honda em sua conta oficial no Twitter.

O atleta se encantou tanto com Anna Luíza que a convidou para encontrá-lo pessoalmente no Rio de Janeiro. O jogador fez o convite publicamente e também já entrou em contato com a família da menina para tornar esse sonho realidade.

Paixão de berço

Anna Luíza tem Artrite Idiopática juvenil sistêmica — Foto: Arquivo pessoal

Anna Luíza tem Artrite Idiopática juvenil sistêmica — Foto: Arquivo pessoal

De acordo com Celiane Frelik, Anna Luíza sempre foi apaixonada pelo Botafogo desde bebê. A família morava no Amazonas e com pouco tempo de nascida, já acompanhava os jogos com torcidas organizadas de Manaus com o pai e o tio, ambos botafoguenses.

– A ideia de dar uma camisa do time rival partiu de amigos da família, já que Anna Luíza sempre defendeu o time dela com todas as forças. A repercussão foi imediata, ficamos sem entender o que estava acontecendo. No dia seguinte, ela ganhou um vídeo do Diego Cavalieri desejando um feliz aniversário – disse Celiane.

Após a repercussão do vídeo do aniversário, gravado no fim do ano passado, Anna Luíza agradeceu ao Honda e até arriscou umas palavras em japonês. Celiane disse que menina está eufórica com a repercussão e o convite de Honda.

– Ela tá numa alegria sem igual – completou.

Iluminada

A menina já venceu muitas dificuldades — Foto: Arquivo pessoal

A menina já venceu muitas dificuldades — Foto: Arquivo pessoal

Anna Luíza tem apenas 5 anos, mas a menina já mostrou que é uma criança iluminada. Ela tem Artrite Idiopática juvenil sistêmica e para ter uma vida normal, precisa fazer uso frequente de medicamentos importantes.

– Tocilizumabe, prednisolona, metotrexato, ibuprofeno, ácido fólico, cálcio e vitamina D. Hoje ela vive normalmente. Sem indícios de infecção nos exames, voltou a andar normalmente, fazer tudo o que uma criança faz – contou a mãe de Anna Luíza.

Apesar das dificuldades ocasionados pelo problema de saúde, a criança sempre foi muito alegre e “rouba a cena” no perfil da mãe, nas redes sociais. O sorrido encantador é a marca registrada da menina que conquista a todos com suas caras e bocas.

Para ajudar os pais em casa em meio à pandemia, crianças ajudam com ideias

Durante a pandemia a família da menina passou por outro momento difícil: o desemprego. Com provações financeiras e para ajudar os pais, novamente a luz de Anna Luíza brilhou. A pequena botafoguense sugeriu então que a mãe fizesse doces para vender.Os “doces da Lulu” são realidade e com a venda dos brigadeiros, a família consegue ter uma renda extra para ajudar com as despesas e com a compra de alimentação.

Anna Luíza sugeriu que a mãe vendesse doces durante a pandemia — Foto: Arquivo pessoal

Anna Luíza sugeriu que a mãe vendesse doces durante a pandemia — Foto: Arquivo pessoal

 

Related posts

Novas diretrizes para o tratamento de artrite reumatoide serão apresentadas nesta quinta-feira em Florianópolis

Priscila Torres

Medicamentos terão reajuste de 4,33% a partir de 1º de abril

Priscila Torres

5º Webinário de Conscientização da Esclerodermia

Priscila Torres
Loading...