Pílula contraceptiva ligada a menor risco de artrite reumatoide

Estudo revela que além de prevenir a gravidez, a pílula contraceptiva pode ainda ajudar a diminuir o risco de mulheres desenvolverem artrite reumatoide.

O estudo sueco publicado na revista Annals of the Rheumatic Diseases revelou que as mulheres que tomavam a pílula contraceptiva há mais de sete anos tinham 19% menos risco de desenvolver artrite reumatoide.

Além disso, como reporta o Indian Express, o risco era 15% mais baixo em mulheres que atualmente tomam a pílula contraceptiva e 13% menor em mulheres que já fizeram este tipo de contracepção no passado.

Estas conclusões mantiveram-se independentemente do teste para anticorpos antipeptídeo citrulinado (ACPA, na sigla em inglês) ter dado positivo ou negativo. Os anticorpos antipeptídeo citrulinado geralmente indicam o risco de uma pessoa desenvolver artrite reumatoide.

Para este estudo a equipe de investigadores da Suécia analisou a possível relação entre o desenvolvimento da doença e o uso de pílula e/ou amamentação (que também se mostrou uma prática protetora contra a artrite) em 2.578 mulheres adultas que tiveram pelo menos um filho e 4.129 mulheres selecionadas aleatoriamente, que formaram o grupo de comparação.

Fonte: https://www.noticiasaominuto.com/lifestyle/851127/pilula-contracetiva-ligada-a-menor-risco-de-artrite-reumatoide

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!