Convivo com a doença como se ela não existisse

Minha história começou depois de ter sofrido uma queda e rompido o tendão do ombro esquerdo , mas a minha preocupação era tanta em relação ao ombro devido as dores terríveis que só pensava em fazer logo essa cirurgia, já estava com a mão esquerda inflamada , o punho que doía muito, mesmo assim não dei importância, só me preocupei depois de 2 meses da cirurgia do ombro, que começou a doer todas as minhas articulações. Fiquei de cama , procurei um reumatologista, não tinha medicação que me fizesse melhorar, nesse período os exames detectaram a Artrite Reumatoide. Graças a Deus e uma médica especialista nessa doença, professora , pesquisadora, estou boazinha convivendo como se nunca tivesse tido essa doença, faço tratamento contínuo com medicação, vivo uma vida norma sem deixar de fazer nada que eu gosto, trabalhar, viajar, namorar, dançar, enfim não sinto nada!

Me chamo Eliane Moraes C Cordeiro, tenho 58 anos, recebi o diagnostico de artrite reumatoide há 1 ano, sou professora, moro em João Pessoa – PB.

Dor Compartilhada é Dor Diminuída“, conte a sua história e entenda que ao escrever praticamos uma autoterapia e sua história pode ajudar alguém a viver melhor com a doença!

“Conte a sua História”

www.artritereumatoide.blog.br/conte-a-sua-historia/
Doe a sua história!

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!