Procurem grupos de auto ajuda e apoio da família.

Meu nome é Carol, moro no Rio de Janeiro. Há quase um ano atrás comecei a sentir dores no joelho e no pé que dificultavam meus movimentos. Sempre fui uma pessoa acima do peso e liguei essas dores a isso e ao sedentarismo.

Cheguei a fazer ressonâncias e não tinha diagnósticos. Depois passei a ter torcicolos frequentes e cada vez mais dolorosos, irradiava para as costas, ombro, braço, muitas dores por todo corpo também. Me sentia como se estivesse fisicamente muito cansada, era muita dor, muita!

Por ser ritmista, procurei um ortopedista pois liguei as dores aos anos de música. Havia uma tendinite no ombro, mas que segundo o médico era muito leve pra o tamanho da dor e num exame de sangue fui diagnosticada.

Comecei o tratamento em novembro/2018 tomando metrotrexate e ácido fólico 1 vez por semana. Agora começo a reduzir a dosagem com acompanhamento de meu reumatologista.

“Dor Compartilhada é Dor Diminuída”, conte a sua história e entenda que ao escrever praticamos uma autoterapia e sua história pode ajudar alguém a viver melhor com a doença!

É simples, preencha o formulário no link http://ow.ly/gGra50nFGJp

Doe a sua história!

if (d.getElementById(id)) {return;} js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "https://connect.facebook.net/en_US/sdk.js"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));
%d blogueiros gostam disto: