Perseverança e fé

Em busca do diagnóstico

Eu sempre tive umas dores e passava… me auto medicava, nunca fui a um reumatologista porque eu ouvia dizer que eu era muito jovem pra ter doença de idoso.

Fui a um ortopedista quando sofri 2 acidentes, mas fiquei bem, antes eu tinha uma dor nos pulsos que sumia, mas agora que fiz 38 anos isso tem piorado.

Agora tenho convenio médico e fui no clinico onde falei meus sintomas, ela me receitou alguns exames, um deles é o FAN e o fator reumatoide.

Ainda não fui diagnosticada, estou para fazer os exames, quando descobrir vou contar para vocês.

O pior dos meus sintomas é a fadiga, e as pessoas da família não entendem o que esta acontecendo, o porque ando querendo dormir, etc… Ou quando digo para alguns amigos que não vou subir a ladeira, eles dão risada e dizem “você é jovem, vamos subir”, é uma doença mal compreendida e invisível pra quem não sente.

Meu nome é Rafa Ornellas, tenho 38 anos, ainda não tenho diagnóstico, sou professora e bióloga e moro em Salvador-BA.

“Dor Compartilhada é Dor Diminuída”, conte a sua história e entenda que ao escrever praticamos uma autoterapia e sua história pode ajudar alguém a viver melhor com a d❖ oença!

É simples, preencha o formulário no link http://ow.ly/gGra50nFGJp

Doe a sua história!

This is a private page. To make it public, edit it and change the visibility.

[wdi_feed id=”1″]

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

if (d.getElementById(id)) {return;} js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "https://connect.facebook.net/en_US/sdk.js"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));