Eventos

Osteoporose: +Saúde da Fiesp leva informação e testes para diagnosticar doença na Av. Paulista

Domingo (5), das 10h às 16h, na calçada da avenida Paulista, a Fiesp, realizará testes capazes de identificar se a pessoa tem osteoporose ou se poderá desenvolver

A osteoporose atinge cerca de dez milhões de brasileiros, segundo estimativa da Fundação Internacional de Osteoporose (IOF). Infelizmente, por se tratar de uma doença silenciosa, muitos pacientes só descobrem a sua existência quando ocorre uma fratura. As mulheres são as mais afetadas com este mal, de acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM).

Chamada por alguns de epidemia silenciosa, a enfermidade chega a atingir 25% das mulheres com mais de 50 anos e que passaram pela menopausa, sendo comum que elas quebrem o punho e a coluna. Os homens também são afetados: 10% deles sofrem da doença.

E para falar tudo sobre a osteoporose, como prevenir, seus sintomas e as principais formas de diagnosticá-lo e tratá-lo, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) irá realizar o próximo +Saúde, em parceria com a Abrasso (Associação Brasileira de Avaliação Óssea e Osteometabolismo).

“O +Saúde busca focar na prevenção de doenças. Por isso, estamos orgulhosos em apoiar esta iniciativa e dar visibilidade à campanha que ajuda as pessoas a perceberem os sintomas e a diagnosticar precocemente a osteoporose”, reforça a coordenadora executiva do ComSaude, Gabriela Gazola.

Além de muita informação sobre a doença, serão oferecidos testes calcâneos, um método capaz de identificar se a pessoa tem osteoporose ou se poderá desenvolver a doença ao longo da vida.

A osteoporose a é uma doença metabólica que enfraquece os ossos. A cada 7 a 10 anos, nosso corpo renova toda sua estrutura óssea e a enfermidade prejudica esta nova formação. Em estágio mais avançado, a osteoporose pode causar problemas graves como a fratura do quadril, o que normalmente gera incapacidade de andar.

Sem cura descoberta, especialistas indicam que o consumo excessivo de café, cigarro e álcool são fatores de risco. O diagnóstico da doença é feito, principalmente, por meio do exame de densitometria óssea.

O +Saúde é uma iniciativa da Fiesp que, com o apoio de parceiros, promove a informação como forma de prevenção de riscos à saúde.

+Saúde: Saiba Mais Sobre a Osteoporose
Data: 5 de maio de 2019
Das 10h às 16h
Local: Calçada da Fiesp
Endereço: Av. Paulista, 1313 – São Paulo-SP

Fonte: E de repente 50

Related posts

Gruparj Petrópolis realiza congresso online sobre doenças reumáticas

Priscila Torres

Departamento de Reumatologia da APM promove Fórum de Reumatologia

Priscila Torres

SBR em cerimônia pela fibromialgia na assembleia legislativa de São Paulo

Priscila Torres
Loading...