O segredo da alimentação saudável

10 atitudes simples que podem ser adotadas no dia-a-dia para ajudar nessa conquista

Sabemos que não existe um segredo ou uma solução milagrosa para seguir um plano alimentar saudável. Muitos preferem a fórmula mágica para conquistar um objetivo, qualquer que seja, mas o esforço e a disciplina são fundamentais para qualquer meta definida. Com a alimentação não é diferente e algumas atitudes devem ser adotadas para que o resultado seja alcançado.

A nutricionista e consultora da Viva Lácteos, Ana Paula Del’Arco, listou 10 atitudes simples que podem ser adotadas no dia-a-dia para ajudar na conquista de uma alimentação saudável:

Cores, Sabores e Texturas: invista em frutas, verduras e legumes, buscando sempre consumir variedades diferentes. Desta maneira, o corpo terá suprimento de nutrientes, fibras e antioxidantes, além de estimular o paladar e a mastigação.

Equilíbrio: uma dica simples é sempre equilibrar a refeição, que deve conter: carboidratos (contemplando os integrais), proteínas (de origem animal e vegetal) e alimentos reguladores (verduras, legumes e frutas).

Variedade: todos os grupos alimentares são necessários e importantes para fornecer ao corpo a maior variedade de nutrientes, assim como os diferentes alimentos de cada grupo alimentar. O ideal é variar ao máximo os alimentos dentro de cada segmento.

Frequência: é muito importante se alimentar com frequência e não ficar longos períodos sem se alimentar. Desta maneira o organismo ajusta o metabolismo, de acordo com o suprimento frequente e adequado de energia e nutrientes.

Não pular o café da manhã: depois de aproximadamente 8 horas dormindo, o corpo passou por um período prolongado de jejum, sendo fundamental o suprimento de energia e nutrientes logo no início das atividades do dia-a-dia para que o organismo comece a funcionar sem estresse. O período do sono caracteriza um período de “jejum fisiológico”, no qual o corpo está preparado para suportar, uma vez que todos os hormônios e enzimas orquestram a redução do metabolismo para o período de repouso.

Sentar-se à mesa: o que vale é ter um tempo dedicado para se alimentar, sem estar na correria, fazendo outras atividades. Prestar atenção no alimento que está consumindo, sentir o aroma, mastigar adequadamente, desfrutar do paladar e do momento.

Hidratação: o corpo humano é composto por cerca de 70% de água, por isso, beber água e líquidos é fundamental para manter o organismo sempre bem hidratado e garantir que todas as funções orgânicas estejam ocorrendo adequadamente.

Planejamento: para que todas as atitudes acima citadas possam se concretizar, é necessário planejamento e disciplina.

Registro: uma dica é começar fazendo um diário alimentar, anotando tudo o que se come, em quais horários e quantidade. Depois, avaliar sua própria alimentação fica mais fácil, sendo possível refletir como e quais pequenos ajustes se deseja fazer na semana.

Respeito à própria individualidade: cada indivíduo é único e se respeitar é fundamental para que se tenha sucesso em qualquer tarefa. Na alimentação, o respeito à própria individualidade engloba respeitar hábitos culturais, familiares, estilo de vida e a fase da vida pela qual está passando.

Para Ana Paula, o segredo mais precioso é entender e compreender que não existe um segredo para uma alimentação adequada. “São as atitudes diárias que constroem um hábito alimentar mais saudável e um estilo de vida mais prazeroso”, finaliza.

Fonte: Assessoria de Imprensa  

Anúncios
if (d.getElementById(id)) {return;} js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "https://connect.facebook.net/en_US/sdk.js"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));