Não me conformei com a opinião de apenas um médico

0
150

Comecei a ter sintomas com 36/37 anos, o médico tratava como LER (Lúpus eritematoso sistêmico) que custou o diagnóstico… Depois passei a tomar anti-inflamatórios e corticoide, passei pelo metotrexato e leflunomida.

No meio dessa história, uma depressão (que não foi o reumato que percebeu). Troquei de médico (que me receitava subdoses, tinha dores sempre), encontrei uma médica muito interessada, daquelas que examina em todas as consultas, todas as articulações… agora estou com outra (da mesma linha da anterior – troca em função de convênio médico).

Conseguimos tirar o anti-inflamatório, diminuir o corticoide até parar, só faço uso do Humira, vitamina D e um antidepressivo fitoterápico. Também fiz muita acupuntura, durante o tratamento.

Devemos perseverar até achar o tratamento adequado para nosso caso!

Meu nome é Janete, tenho 59 anos, convivo com o diagnóstico de Artrite reumatoide a mais de 20 anos, sou secretária e moro em Pelotas-RS.

Dor Compartilhada é Dor Diminuída”, conte a sua história e entenda que ao escrever praticamos uma autoterapia e sua história pode ajudar alguém a viver melhor com a doença!

É simples, preencha o formulário no link https://forms.gle/hZjevGSMNhbGMziL9

Doe a sua história!

#depoimento

Olá, participe da conversa, deixe o seu comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.