Coronavirus Notícias

INSS pagará os primeiros 15 dias de licença médica para trabalhadores diagnosticados com coronavírus

A medida antecipa o recebimento do auxílio-doença que é pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)

O governo anunciou, na última quinta-feira (dia 19), que pagará os 15 primeiros dias de salário do trabalhador que estiver infectado com coronavírus. Na prática, a medida antecipa o recebimento do auxílio-doença que é pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Atualmente, os 15 primeiros dias de licença médica são pagos pela empresa. Depois desse período, o trabalhador recebe o auxílio previdenciário.

Para ter direito ao benefício, é preciso, em primeiro lugar, que o indivíduo seja segurado do INSS. Ou seja, que contribua para o instituto. No caso do auxílio-doença, são exigidas pelo menos 12 contribuições para ter direito ao pagamento.

Além disso, é necessário que o trabalhador tenha a doença atestada por um médico perito da Previdência Social. Em função do coronavírus, o INSS anunciou que vai dispensar os segurados que requereram auxílio-doença da necessidade de comparecer a uma agência para fazer o procedimento.

Segundo as novas diretrizes, essas pessoas deverão enviar o atestado médico pelo portal Meu INSS ou pelo aplicativo. Após o segurado fazer o upload do documento, a perícia médica fará uma análise para a concessão ou a prorrogação do benefício.

Fonte: ibahia.com

Related posts

Uma simples dor no joelho pode ser mais que isso

Priscila Torres

Pinta, mancha ou pequenos ferimentos na pele podem ser indicativos de câncer de pele

Priscila Torres

Roer unhas: mania que pode prejudicar sua saúde bucal

Priscila Torres
Loading...