Hospital Alemão Oswaldo Cruz aborda principais tópicos sobre osteoporose em evento gratuito

Encontro é voltado para clínicos, endocrinologistas, geriatras, ortopedistas, residentes e profissionais do setor assistencial

Visando promover a saúde e o bem-estar de seus pacientes, a Unidade Campo Belo do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, por meio do Núcleo Especializado no Tratamento da Osteoporose (NETO), promove na próxima quarta-feira, 22 de novembro, evento gratuito que sobre osteoporose e é voltado a profissionais e estudantes das áreas médicas e assistenciais.

Essa é a primeira edição do ciclo de palestras realizados na Instituição, nomeado de “Osteoporosis Updates”. Para o Dr. Fábio Freire, coordenador do NETO do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e um dos organizadores do evento, a troca de experiências entre profissionais é essencial. Na ocasião serão discutidos casos clínicos, tratamentos atualizados, métodos de diagnóstico, segurança na prescrição de osteoporose, entre outros assuntos.

A coordenação do evento, também conduzida pelo Dr. Pedro Renato Chocair, coordenador médico da Unidade Campo Belo, convida ainda o Dr. Bruno Muzzi Camargos, ginecologista e obstetra, Consultor Científico da International Osteoporosis Foundation e e vice-presidente para Densitometria da Sociedade de Radiologia de Minas Gerais.

As inscrições devem ser realizadas pelo email iecs@haoc.com.br. Mais informações sobre o evento podem ser obtidas nos telefones 11 3549-0585/0577.

Programação

18h40 às 19h10 – Credenciamento

19h10 às 19h20 – Abertura

19h20 às 19h40 – Osteoporose: Tratamento atual

19h40 às 20h – Densitometria, RX e marcadores na seleção e monitoramento de pacientes

20h às 20h20 – Discussão de casos clínicos

20h20 às 20h40 – Segurança na prescrição de osteoporose

20h40 às 21h – Osteoporose induzida por corticoide

21h às 21h20 – Osteoporose em homens

21h20 às 21h30 – Encerramento

Fonte: http://www.segs.com.br/saude/91165-hospital-alemao-oswaldo-cruz-aborda-principais-topicos-sobre-osteoporose-em-evento-gratuito.html

Olá, participe da conversa, deixe o seu comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Artigos Relacionados

Não me conformei com a opinião de apenas um médico

Comecei a ter sintomas com 36/37 anos, o médico tratava como LER (Lúpus eritematoso sistêmico) que custou o diagnóstico… Depois passei a tomar anti-inflamatórios...

Judicialização da saúde: como usar a Justiça gratuita contra a SUS

A judicialização da saúde é um fenômeno que cresce a cada dia e esse aumento expressivo se deve a algumas situações.  É verdade que as...

Planejar aposentadoria fica ainda mais difícil na pandemia

Trabalhador deve conhecer sua vida contributiva e as regras da Previdência antes do pedido A pandemia de Covid-19, a crise econômica e a reforma da...