Notícias

Gosta de suco de frutas? Entenda por que essa não é opção mais indicada para a saúde

As frutas são excelentes fontes de fibras, vitaminas e outros nutrientes necessários ao bom funcionamento do organismo. A importância desse alimento é tanta, que a Organização Mundial da Saúde (OMS) sugere o consumo de cinco porções diárias. Mas nem sempre a ingestão é feita in natura, e essa mudança pode alterar os benefícios à saúde.

Uma das maneiras mais comuns de incluí-las no cardápio, é por meio da produção de sucos, sejam naturais ou industrializados. A nutricionista do Hospital Edmundo Vasconcelos, Silvia Ribeiro Messalem, ressalta, entretanto, que essa não é a melhor opção, e um dos motivos está na quantidade.

“Os sucos exigem uma demanda do alimento muito maior que quando comparado ao consumo somente da fruta, a fim de garantir uma consistência mais espessa, por exemplo. Essa maior quantidade aumenta de forma significativa o açúcar e o valor calórico da bebida”.

Além do açúcar natural, Silvia lembra que é comum que as pessoas adicionem açúcar refinado ou outro tipo de adoçante. “Isso torna a opção ainda menos atraente do ponto de vista nutricional, pois o ideal para mantermos uma alimentação saudável é tentar diminuir ao máximo o consumo de substâncias artificiais”.

Nesta batalha entre fruta in natura e suco, a segunda opção perde mais uma vez quando a questão é a concentração de fibras. Isso porque, muitas vezes, esses compostos vegetais são dissipados na hora de serem processados no liquidificador ou centrífuga.

“As fibras, aliadas ao bom funcionamento do intestino, também atuam na sensação de saciedade, pois exigem o uso da mastigação. Sem isso, a ingestão tende a ser em maior quantidade do que o necessário, como ocorre quando se opta pelo consumo de frutas por meio de sucos”, reforça.

Mesmo sem muitos pontos positivos, o suco pode ser transformado em algo mais nutritivo a partir de alguns macetes. A nutricionista aconselha não misturar muitas frutas durante o preparo e, quando possível, incluir fibras, como: couve, hortelã e espinafre.

Além disso, é indicado não coar e não ingerir de estômago vazio, para evitar que o açúcar das frutas seja rapidamente absorvido também. Caso prefira comprar o suco pronto, a melhor opção é o suco prensado a frio, pois neste processo não há a oxidação dos nutrientes, nem a desnaturação das enzimas das frutas.

HOSPITAL EDMUNDO VASCONCELOS

Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Hospital Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.000 médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações, 230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a Acreditação Hospitalar Nível 3 – Excelência em Gestão, concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e o primeiro lugar no Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar na categoria Saúde – Hospitais, conquistado por três anos consecutivos, 2017, 2018 e 2019.

Related posts

Emoções negativas e artrite reumatoide: qual é a relação?

Priscila Torres

Síndrome de Sjogren: como ela é?

Priscila Torres

Artrite reumatóide afeta 70 mil portugueses

Priscila Torres
Loading...