Fique atento ao uso de medicamentos que podem fazer você ganhar peso

O ganho de peso depende de uma série de fatores que inclui uma predisposição individual. Existe uma situação bem frequente na prática clinica que é o ganho de peso induzido por uso de medicamentos. Sim, vários remédios para tratar outras condições clínicas que não obesidade, podem contribuir para aumento de peso em pessoas suscetíveis. Assim, pessoas com muita facilidade para engordar ou aquelas que estão na luta contra os quilos extras devem ficar atentas para certos medicamentos que podem piorar a situação.

É claro que em determinadas condições não existe opção de uso de outros remédios mais neutros, mas é importante estar ciente disso para que sejam tomados cuidados extras para evitar um ganho de peso excessivo, fazendo boas escolhas alimentares e otimizando mais a atividade física.

E porque determinados remédios fazem engordar? Existem vários motivos. Alguns aumentam muito a fome ou a vontade de comer alimentos bem calóricos como doces. Outros podem afetar negativamente o metabolismo, tornando-o mais lento. Alguns facilitam a formação de novas células de gordura- fenômeno que chamamos de adipogênese.

Uma revisão de vários estudos que incluiu 54 diferentes medicamentos e mais de oitenta mil participantes conseguiu trazer evidências de alguns remédios que podem aumentar o peso. Alguns medicamentos utilizados para  foram associados ao maior ganho de peso. Pessoas que farão tratamento dessas condições devem se pesar no início do tratamento e ir monitorando ao longo dos meses.

Medicações que são utilizadas no tratamento do diabetes também podem contribuir com quilos extras na balança. No caso de portadores de diabetes do tipo 2 que estão acima do peso ideal, é importante ressaltar que existem medicamentos para tratar a doença que são neutros ou até ajudam a perder peso e o médico deve estar atento para fazer a melhor escolha para cada caso. Remédios para alergia quando utilizados por tempo prolongado também podem levar a ganho de peso.

Alguns medicamentos, como os corticoides, se usados de forma crônica podem levar ao aumento de gordura visceral, aquela mais perigosa do ponto de vista metabólico, que se associa a risco de diabetes e doença cardiovascular. Cuidado com a auto-medicação! Busque sempre o auxílio médico, pois todo medicamento tem potencial de trazer efeitos adversos.

Quando iniciar novos medicamentos fique atento ao seu organismo e converse com seu médico sobre o que notou. A depender da situação clínica, pode ser possível trocar o medicamento por outro que trate a mesma doença e não engorde. Mas quando isso não for possível, tenha um cuidado redobrado para manter um estilo de vida saudável.

Fonte: Cintia Cercato

Anúncios
if (d.getElementById(id)) {return;} js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "https://connect.facebook.net/en_US/sdk.js"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));