Coronavirus Notícias

Eli Lilly poderá testar tratamento para doença causada pelo coronavírus em quatro meses

Farmacêutica planeja testar anticorpos de última geração em pacientes

Terapias têm potencial para tratar e prevenir o SARS-CoV-2, vírus que causa a COVID-19

A Eli Lilly, em parceria com a AbCellera, está trabalhando no desenvolvimento de terapias para o tratamento e profilaxia do SARS-CoV-2, vírus que causa a COVID-19 (coronavírus). As pesquisas iniciais que identificaram rapidamente o potencial dos medicamentos para tratar e prevenir o vírus de circulação mundial contaram com as participações do Centro de Pesquisa de Vacinas – Vaccine Research Center (VRC) e Instituto Nacional de Saúde – National Institute of Health (NIH) dos Estados Unidos.

Os estudos foram feitos nos Estados Unidos (EUA) por meio do programa DARPA Pandemic Prevention Platform (P3), da ABCellera, com a plataforma global da Lilly, a partir de uma amostra de sangue de um dos primeiros pacientes recuperado do coronavírus em território norte-americano. A análise concluída sete dias após o indivíduo, comprovadamente, estar curado, avaliou mais de cinco milhões de células imunes visando a detecção das que produziam anticorpos e, consequentemente, ajudariam o a neutralizar o vírus. Na etapa seguinte, uma checagem minuciosa identificou mais de 500 sequências únicas de anticorpos totalmente humanos, totalizando o maior painel de Anticorpos SARS-CoV-2 já relatado.

Paralelamente, a companhia também já mapeou centenas de anticorpos contra o vírus SARS-CoV-2, responsável pelo surto atual, que foram transferidos para testes funcionais com especialistas globais em virologia. O próximo passo, segundo os pesquisadores, é rastrear quais são os anticorpos mais eficazes na neutralização do vírus, trabalho que será realizado em conjunto com o Centro de Pesquisa de Vacinas – Vaccine Research Center (VRC) e o Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas – National Institute of Allergy and Infectious Disease (NIAID).

“Agimos de maneira rápida e precisa, num ritmo mais acelerado do que em qualquer outra situação. A pandemia da COVID-19 é uma situação que exige velocidade e um esforço mobilizador”, Dan Skovronsky, diretor científico da Eli Lilly. Trabalhamos sempre para desenvolver soluções inovadoras e que impactem positivamente na qualidade de vida das pessoas. Queremos contribuir com nossa experiência e tradição principalmente durante esta crise global de saúde que envolve o coronavírus. Embora normalmente um novo programa de anticorpos terapêuticos possa levar anos para estar disponível, nosso objetivo é testar esses tratamentos no começo do segundo semestre. Ao término dos estudos, caso sejam bem-sucedidos, a Lilly ficará responsável por produzir, distribuir e comercializar as novas terapias em âmbito global.

Sobre a Eli Lilly and Company

A Lilly é uma organização global líder na área da saúde que une cuidado e descoberta para melhorar a vida das pessoas ao redor do mundo. Foi fundada há mais de um século por um homem compromissado com a criação de medicamentos de alta qualidade e hoje permanece sendo guiada por essa missão em tudo o que faz. Ao redor do mundo, funcionários Lilly trabalham para inovar e entregar medicamentos que mudem a vida daqueles que precisam, melhorando o entendimento e o tratamento de doenças, e servindo a comunidades com voluntariado e filantropia. Para saber mais sobre a Lilly, acesse www.lilly.com.br

Fonte: Assessoria de Imprensa

Related posts

Acupuntura no manejo da dor crônica

Priscila Torres

Doença de Gota

Priscila Torres

Seguridade aprova política nacional de saúde para pacientes de lúpus

Priscila Torres
Loading...