ReumaBlogs

Diabetes Mellitus x Artropatias

Várias são as manifestações musculoesqueléticas associadas ao diabetes mellitus (DM).

Infarto muscular do DM, capsulite adesiva, periartrite calcificada, contratura em flexão dos dedos, contratura de Dupuytren, tenossinovite flexora, neuroartropatia de Charcot, síndrome do túnel do carpo e outras neuropatias, DISH (diffuse idiopathic skeletal hyperostosis) e gota.

E daí?

O mais importante é: quanto mais controlada a sua DM, menor a chance de ocorrer esta associação com doença articular.

A glicose elevada já pode gerar um desconforto articular pela glicação, piora do estresse oxidativo e inflamatório.

O que levamos disso tudo?

Não adianta somente tratar a doença articular. Precisa controlar a glicose ao máximo.

Isso sem falar nos outros fatores de risco que a DM traz, como exemplo as doenças cardiovasculares.

Só aumentar a medicação NÃO resolve se você não pára de colocar para dentro do seu corpo alimento ruim, entende!

Nosso alimento é nosso combustível.

Se coloco um bom combustível ele funciona bem.

Cuide-se!

#REPOST @draflavianascimento

Artigos Relacionados

Em tempos de covid, porque vacina da gripe?

Priscila Torres

Coceira e doenças reumáticas

Priscila Torres

Homens e mulheres sentem dor diferente?

Priscila Torres