Colunas da Pri Eventos

Debate sobre a Nota Técnica nº 633/2020: disponibilização de medicamentos biológicos originadores e biossimilares no SUS

Biored Brasil e ClapBio, reúne médicos e pacientes, em debate online sobre as regras definidas pelo Ministério da Saúde, para fornecimento de medicamentos biológicos e biossimilares no SUS, divulgadas por meio da Nota Técnica nº Nº 633/2020-CGCEAF/DAF/SCTIE/MS

Data: 29 de outubro às 19 horas

Nesta nota técnica o Ministério da Saúde,  anuncia que conforme a compra centralizada, todos os pacientes em uso destes medicamentos poderão ter o seu medicamento modificado de marca. Decisão que não segue as recomendações da ANVISA, que orienta não ser adequado múltiplas trocas entre medicamentos biológicos e biossimilares, ou entre biossimilares e biossimilares, confira os medicamentos que terão o seu fornecimento modificado nas farmácias de alto custo:

➤ Adalimumabe
➤ Etanernecepte
➤ Golimumabe
➤ Infliximabe
➤ Rituximabe
➤ Trastuzumabe

Alertamos que os medicamentos biossimilares seguem todas as regras seguras para serem registrados, logo no Brasil todos os medicamentos biossimilares, possuem qualidade, eficácia e segurança, no entanto  os biossimilares não são intercambiáveis, ou seja, os estudos para registro não provam que eles podem ser substituídos mantendo padrões idênticos ao originador.

Sendo assim, pacientes que vão começar o tratamento com medicamentos biológicos, podem começar com biossimilar, mas devem continuar recebendo aquele mesmo biossimilar ao longo do tratamento.

Debatedores:

Dr. Georges Christopoulos – reumatologista
Dr. Ricardo Garcia – Clapbio
Ana Lúcia Paduello – Conselheira Nacional de Saúde
Ana Célia Araújo  – ABCD
Alessandra Souza – Farmale
Julia Assis – ALEMDII
Leoni Margarida – AMUCC
Marco Azevedo – Garce
Marta Azevedo – Garce
Priscila Torres – Grupar/EncontrAR

➤Transmissão: https://youtu.be/PKGNK00agGU

➤ Sobre a Nota Técnica nº Nº 633/2020-CGCEAF/DAF/SCTIE/MS

➤Traz informações sobre a disponibilização de medicamentos biológicos originadores e seus biossimilares de compra centralizada pelo Ministério da Saúde para atendimento aos pacientes no âmbito da Política Nacional de Assistência Farmacêutica, por meio do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (CEAF), e da Política Nacional para a Prevenção e Controle do Câncer.

➤➤ Confira a Nota Técnica no blog da Biored Brasil: https://www.bioredbrasil.com.br/nota-tecnica-do-ministerio-da-saude-traz-informacoes-sobre-disponibilizacao-de-medicamentos-biologicos-originadores-e-biossimilares/

➤➤ Confira a 003/2017 /GPBIO/GGMED/ANVISA: https://www.bioredbrasil.com.br/anvisa-atualiza-nota-de-esclarecimentos-sobre-intercambialidade-entre-biologicos-e-biossimilares/

➤➤Conheça o Manifesto pela Segurança dos Pacientes usuários de Medicamentos Biotecnológicos da Biored Brasil: https://www.bioredbrasil.com.br/manifesto-pela-seguranca-do-paciente-usuario-de-medicamentos-biotecnologicos-no-brasil/

Artigos Relacionados

Etanercepte no SUS agora é biossimilar

Priscila Torres

FGV reúne gestores da área da Saúde para debater desafios do setor

Priscila Torres

Não dar conta das atividades é corpo mole e jamais fadiga e dor, assim é a incompreensão de quem não sabe o que é conviver com a dor!

Priscila Torres