Notícias

COVID-19: telemedicina é a nova aliada no combate ao vírus

Nesta terça, 31 de março, o Senado aprovou projeto de lei que libera o uso da telemedicina durante a pandemia de COVID-19 no país, visando desafogar hospitais e centro de saúde. O texto segue para sanção presidencial.

Nossos agradecimentos para Dr Marco Tulio Franco, da Comissão de Assuntos Políticos do CFM, pelo seu empenho com este assunto.

Veja abaixo a principais informações sobre o projeto de lei e os links para acesso todas informações sobre a tramitação no senado:

Projeto de Lei n° 696, de 2020

Autoria: Câmara dos Deputados

Iniciativa: Deputada Federal Adriana Ventura (NOVO/SP)

Nº na Câmara dos Deputados: PL 696/2020

Natureza: Norma Geral

Ementa: Dispõe sobre o uso da telemedicina durante a crise causada pelo coronavírus (SARS-CoV-2).

Situação Atual em (02/04/2020): Tramitação encerrada – Aguardando sanção do Presidente

Para mais informações sobre  tramitação, acesse:  https://www25.senado.leg.br/web/atividade/materias/-/materia/141263

O CONGRESSO NACIONAL decreta:

Art. 1° – Esta Lei autoriza o uso da telemedicina em quaisquer atividades da área de saúde enquanto durar a crise ocasionada pelo coronavírus (SARS-Cov-2).

Art. 2° – Durante a crise ocasionada pelo coronavírus (SARS-COV-2), fica autorizado, em caráter emergencial, o uso da telemedicina em quaisquer atividades da área de saúde.

Art. 3° – Entende-se por telemedicina, entre outros, o exercício da medicina mediado por tecnologias para fins de assistência, pesquisa, prevenção de doenças e lesões e promoção de saúde.

Art. 4° – O médico deverá informar ao paciente todas as limitações inerentes ao uso da telemedicina, tendo em vista a impossibilidade de realização de exame físico durante a consulta.

Art. 5° – A prestação de serviço de telemedicina seguirá os padrões normativos e éticos usuais do atendimento presencial, inclusive em relação à contraprestação financeira pelo serviço prestado, não cabendo ao poder público custear ou pagar por tais atividades quando não for exclusivamente serviço prestado ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Art. 6° – Competirá ao Conselho Federal de Medicina a regulamentação da telemedicina após o período consignado no art. 2° desta Lei.

Art. 7° Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

CÂMARA DOS DEPUTADOS, XX de março de 2020.

RODRIGO MAIA Presidente.

Projeto

Fonte: Agência Senado e Sociedade Brasileira de Reumatologia

Related posts

Conheça as principais novidades em métodos contraceptivos

Priscila Torres

Selena Gomez doará os proventos da sua turnê para pesquisa do lúpus

Priscila Torres

Especialista alerta para os cuidados com a pele no verão

Priscila Torres
Loading...