Eu sofri 15 anos de dores, até ter o diagnóstico de Artrite Reumatoide – Maria Madalena

Maria Madalena, 56 anos, convive com Artrite Reumatoide à 23 anos, levou 15 anos para te o diagnóstico.
Maria Madalena, 56 anos, convive com Artrite Reumatoide à 23 anos, levou 15 anos para te o diagnóstico.

Espero que muitas pessoas consigam tratamento e diagnóstico rápido, eu sofri 15 anos até conseguir um remédio que me ajudasse de fato.
Sou, Maria Madalena, vivo em Londrina?Paraná, tenho 56 anos, comecei a ter dor com 33 anos e tive o diagnóstico de Artrite Reumatoide 15 anos depois das primeiras dores, há apenas 8 anos recebo o tratamento correto para a minha doença.

Tudo começou com dores no joelho direito, até que tive “água no joelho”, o médico fez a punção, melhorava, depois voltava tudo e nada de fazer exames. Até que tive que sair de São Paulo e vim morar em Londrina no Paraná, passei com um Geriatra que pediu vários exames e concluiu que eu tinha artrose, comecei a tomar a Condroitina e Glucosamina, por causa dos sintomas, fiquei com esse medicamento durante anos, meu organismo se acostumou, então, perdi o convênio e tive que pagar consulta com outro médico, “Graças a Deus” foi o que me salvou, passei com essa nova médica  e enfim, descobriu que eu tinha “Artrite Reumatoide”, neste momento com vários anos de dores, a médica prescreveu o medicamento biológico que faço uso até hoje e estou bem melhor. Ainda tenho crises fortes, mas não durante o tempo que duravam antes.
Espero que muitas pessoas consigam tratamento e diagnóstico rápido, eu sofri 15 anos até conseguir um remédio que me ajudasse de fato. Desejo boa sorte para todos!

Bjs

Maria Madalena

Londrina – Paraná

Anúncios

Comentário

comentários

4 Comentários

    • Medicamento biológico
      Os medicamentos conhecidos como agentes biológicos, ou simplesmente biológicos, são moléculas de natureza protéica produzidas com o auxílio da engenharia genética, através de técnicas como a do DNA recombinante e o uso de hibridomas, que são linhagens celulares desenvolvidas para produzir um anticorpo desejado em grande quantidade.

      São moléculas altamente complexas, quase sempre proteínas de alto peso molecular, resultantes de processos igualmente complexos que envolvem desde a seleção da molécula viva inicial (clonagem, microorganismos geneticamente modificados) até todo o processo de produção.

      Esse processo de produção difere substancialmente do empregado na produção química convencional.
      Para saber mais leia o post abaixo:

      https://artritereumatoide.blog.br/2011/10/10/nossas-esperancas-de-dias-melhores-medicamentos-biologicos-modificadores-de-respostas-biologicos/

Olá, participe da conversa, deixe o seu comentário.