Início Tags Baricitinibe

baricitinibe

Regras do tratamento da artrite reumatoide no plano de saúde estão em consulta pública até dia 21 de novembro 

ANS recebe até o dia 21 de novembro, contribuições para a atualização das diretrizes de utilização que regulamentam como os medicamentos biológicos são fornecidos...

Medicamento para artrite vai à última fase de testes em casos de Covid-19

Objetivo é avaliar eficácia para o tratamento de pacientes hospitalizados por causa da doença; resultados devem sair até o começo de outubro Um estudo com...

Incentivado por solicitações dos pacientes, Ministério da Saúde incorpora tratamento para artrite reumatoide

Resultado de Consulta Pública muda decisão do Ministério da Saúde, em atenção a solicitação dos pacientes, o Medicamento Oral: Baricitinibe foi incluído no tratamento...

Aprovados novos remédios mais potentes para tratar 20 doenças

Na luta contra doenças, a chegada de medicamentos mais potentes sempre é comemorada por médicos e pacientes. Nos últimos meses, foram aprovados pelo menos...

Tratamento para artrite reumatoide é tema de consulta pública

Tratamento para artrite reumatoide é tema de consulta públicas População pode enviar contribuições até o dia 23 de dezembro A incorporação do medicamento baricitinibe está em avaliação pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias e Inovações no Sistema Único de Saúde (Conitec). O medicamento é indicado para o tratamento de pacientes com artrite reumatoide ativa, moderada a grave, com resposta insuficiente ou intolerância a um ou mais medicamentos modificadores do curso da doença não biológicos e biológicos. O tema está em consulta pública para que pacientes, familiares, especialistas, profissionais de saúde e demais envolvidos possam enviar suas contribuições. A  artrite  reumatoide  é  uma  doença  inflamatória  crônica  e  autoimune, caracterizada pela inflamação das articulações, principalmente das mãos e dos pés. A prevalência mundial, e também no Brasil, está entre 0,3% e 1% da população, com maior frequência em mulheres - acomete duas vezes mais mulheres do que homens. Os pacientes apresentam dor, inchaço, dificuldade em realizar movimentos, fadiga, e ainda há maior risco de desenvolver doenças cardiovasculares. O diagnóstico é realizado por meio de exames clínicos  e complementares. Baricitinibe A Comissão avaliou as evidências científicas e, preliminarmente, recomendou a não incorporação do medicamento, por não haver superioridade clínica ou econômica em comparação aos medicamentos já disponíveis no SUS. Saiba mais sobre o assunto, veja o Relatório Técnico. Participação Para participar, com experiências ou opiniões, acesse aqui; com contribuições técnico-científicas, acesse aqui.
21,627FãsCurtir
2,680SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Hot Topics

Não há problema sem solução

Em 1969, comecei a sentir dores no joelho direito. Mancava e tinha dificuldades para subir escadas. Em seguida o tornozelo do pé esquerdo começou...

Consulta pública avalia medicamento para tratamento da artrite psoríaca ativa no SUS em pacientes adultos na primeira etapa de terapia biológica

Medicamento já é disponibilizado na Rede para a segunda etapa de tratamento de biológicos, quando o paciente não tem boa resposta com tratamento anterior Está...

Saúde avalia proposta de incorporação do nusinersena para AME dos tipos 2 e 3

Pela primeira vez desde a criação da Conitec, pasta vai convocar audiência pública para ouvir sociedade civil sobre incorporação, pelo SUS, de medicamento para...