Uveite ativa não infecciosa

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), reconhecida pelo desenvolvimento de pesquisas e estudos científicos,oferece vagas para voluntários.

 Uveite ativa não infecciosa

 O Departamento de Oftalmologia da Escola Paulista de Medicina – Hospital São Paulo (Unifesp) está recrutando portadores de uveite ativa não infecciosa, para participar de estudo, para avaliar a segurança e eficácia de (Sirolimus) intravítreo.

Pacientes potenciais deverão ser encaminhados para o Setor de Pesquisa Clínica – Depto de Oftalmologia da EPM, rua Botucatu, 822 – 1º andar, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Informações pelo telefone 5572-6443 com Luci Meire, Cintia Futino ou Cristina Nascimento.

Devem apresentar os seguintes critérios:

1. Homens ou mulheres com idade igual ou superior a 18 anos

2.Diagnóstico de uveíte posterior não infecciosa ativa com opacidade vítrea significante

3. Acuidade visual corrigida ≥ 20/400 no olho do estudo

4. Olho contraletral com visão ≥ 20/200

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!