SBR alerta contra medicação biológica pré-diluída em empresa própria ou conveniada

Alguns planos de saúde, responsáveis pelo pagamento dos tratamentos com imunobiológicos, estão propondo entregar a medicação pré-diluída em empresa própria ou conveniada, para que os Centros de Terapia Assistida (CTAs) realizem o procedimento com a medicação já preparada. Isto coloca em risco a segurança do paciente e a eficácia do produto. Deste modo, a Sociedade Brasileira de Reumatologia vem posicionar-se da seguinte forma:

1) A preparação da medicação deve ser realizada em ambiente adequado e em condições de ser administrada no menor tempo possível após a sua diluição.

2) As condições de armazenamento da medicação devem ser de responsabilidade do CTA, com a observação de sempre evitar contaminação do material e manter temperatura adequada, de acordo com as normas de boas práticas clinicas.

3) O transporte da medicação de um local onde é diluído para outro onde será administrado vai contra as normas de boas práticas clínicas, pois imunobiológicos são proteínas instáveis, perdem sua eficácia e aumentam a possibilidade de eventos adversos ao serem transportados. E mesmo se bem acondicionados não garantem as suas condições de eficácia e segurança.

4) O CTA que se dispuser a receber material já previamente diluído terá de assumir a responsabilidade de terceiros que manipularam a medicação sem a fiscalização do CTA.

5) A situação que se coloca, então, é de que, em se manipulando a medicação em um local e infundindo em outro, não se leva em consideração o interesse do paciente que é o bem maior nesta relação entre todos os interessados no procedimento.

Portanto a SBR coloca-se contra esta situação que se prenuncia e orienta a seus sócios a não permitirem que tal fato se estabeleça.

Dr. Antonio Scafuto Scotton
Presidente da Comissão de Terapia Infusional de Imunobiológicos da SBR
Centros Privados

Dr. Vander Fernandes
Presidente da Comissão de Terapia Infusional de Imunobiológicos
Centros de Serviços Públicos

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!