Quando as atividade diárias se tornam desáfios para as pessoas com Artrite

A Artrite Reumatoide chega em nossas vidas e logo se faz tão presente, que não é possível passar um dia sem sentir o impacto das mudanças. O dia-a-dia com AR passa a ser algo cheio de desafios, desafios para levantar por conta da rigidez, da dor, da fadiga. No inverno, tudo parece tão pior, a dor parece ficar mais forte e o dia-a-dia com suas atividades de vida diária, passa a ser verdadeiros “desafios de vida diária”.  Parece até que após AR viramos aquele galinho do tempo que muda de cor quando esfria e chove, nós mudamos de dor quando esfria!

Vou falar sobre o que é “Atividade de Vida Diária” vocês já devem ter lido isso em algum relatório médico ou na própria internet. A atividade de vida diária são aquelas atividades básicas que todos nós temos que fazer todos os dias, que vai desde acordar, escovar os dentes, abrir a tampinha horrível da pasta de dente, arrumar o café da manhã, preparar o almoço, enfim, tudo que envolve rotinas de vida diária, faz parte de Atividades de Vida Diária.

São nas atividades de vida diária que nos deparamos com o grande impacto da artrite reumatoide, além da dor, é muito, extremamente difícil ver que temos dificuldade em realiza coisas básicas, como pentear o cabelo, escovar os dentes, limpar a casa, fazer faxina.

Nossa limitação começa justamente quando damos conta que cuidar de nós mesmos e da nossa casa, se tornou algo dificil, doloroso, porque queremos fazer, mas a dor diz não faça. Quando largamos para trás as atividades de vida diária, estamos abrindo mão de uma oportunidade de reaprender um nova forma de fazer as coisas, em vez, desistir apenas porque está difícil, realmente é difícil, porém, não é impossível.

O profissional que é especialista em adaptação para realizar atividades de vida diária é o Terapeuta Ocupacional e o Fisioterapeuta, geralmente essas duas especialidades, nos ajudam muito, alguns planos de saúde oferecem o Terapeuta Ocupacional na cobertura básica, vale a pena olhar se você tem essa disponibilidade em seu plano.

No SUS temos poucas vagas com Terapia Ocupacional, mas recomendo que pergunte para a Assistente Social do Posto de Saúde, onde encontrar o T.O em sua cidade.

A vida pode ser tornar mais dificil, mas está em nossas mãos readaptar todas as atividades e faze-la de um novo jeito artrítico de ser.

Nos próximos posts vou falar sobre várias dicas para readaptar a realização das atividades de vida diária.

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!