O efeito do stress na artrite

Não há como evitá-lo completamente. É uma parte da vida cotidiana. Justamente quando você pensa que ele se foi, ele está de volta. É a maneira como a mente e o corpo reagem a tensão e pressão. Demasiado stress pode aumentar a dor, pode fazer uma pessoa propensa a doenças, e pode tornar mais difícil para as pessoas com artrite para lidar com as cargas adicionadas impostas por sua doença.

Stress e artrite: Causa e Efeito

São inúmeras as histórias de pessoas que se conectam a evolução da sua artrite a um incidente estressante em suas vidas. O incidente estressante (como um acidente de carro, morte na família, divórcio, perda de emprego ou outra tragédia pessoal) é considerado como o evento precipitante que desencadeia a doença. O Parecer varia de acordo com esta teoria, porque é tão difícil de provar, com base na variedade de experiências humanas e respostas humanas. Estudos em ratos de laboratório mostraram uma relação definida entre o stress e o desenvolvimento de artrite. Pesquisadores têm hesitado em formular conclusões para os humanos com base nos estudos em animais.

O dilema sobre porque  surge  o stress é impossível medir. O que uma pessoa considera estressante pode ser considerada um desafio por outra pessoa. Um evento é visto como estressante com base na percepção de uma pessoa ao evento. Há também uma variedade de fatores de stress e é difícil para os pesquisadores para avaliar se todos eles têm igual impacto.

Mesmo que a questão de uma relação de causa e efeito entre o stress e a doença continua a ser complicado para os investigadores, a investigação recente tem implícito que um alto nível de estresse pode perturbar o sono, causar dores de cabeça, levar a pressão arterial alta, doença cardíaca, depressão e provavelmente contribuem a outras doenças.

Artrite e Stress: A Causa e Efeito Reverso

Pessoas com artrite deve enfrentar os mesmos tipos de estresse como todos os outros. Além disso, vivendo com artrite crônica cria outro medley de problemas estressantes. Artrite crônica acrescenta o estresse da dor, fadiga, depressão , dependência, finanças alterados, emprego , vida social, auto-estima e auto-imagem.

Durante períodos de stress, o corpo libera substâncias químicas na corrente sanguínea e mudanças físicas ocorrem. As alterações físicas do corpo dar maior resistência e energia e preparar o corpo para lidar com o evento estressante. Quando o estresse é tratada de forma positiva o corpo restaura-se e repara os danos causados pelo estresse. No entanto, quando o estresse acumula-se sem qualquer liberação, ela afeta negativamente o corpo.

Um ciclo vicioso ocorre na relação de artrite e stress. As dificuldades que surgem a partir de viver com artrite crônica cria o stress. O stress provoca tensão muscular e aumento da dor, juntamente com agravamento dos sintomas de artrite.

A Universidade de Washington, Departamento de Ortopedia, lista três componentes de um programa de gerenciamento de stress: aprender a reduzir o stress; aprender a aceitar o que você não pode mudar; e aprender a superar os efeitos nocivos do stress.

Reduzir o stress

1 – Identificar as causas de stress em sua vida.
2 – Compartilhe seus pensamentos e sentimentos.
3 – Tente não ficar deprimido.
4 – Simplifique sua vida, tanto quanto possível.
5 – Gerencie seu tempo, e conserve a sua energia.
6 – definir metas de curto prazo e de vida para si mesmo.
7 – não vire a drogas e álcool.
8 – Utilizar apoio e educação nos serviços de artrite.
9 – Torne-se mentalmente e fisicamente apto possível.
10- Desenvolver um senso de humor e ter alguma diversão.
11- Peça ajuda para lidar com os problemas difíceis de resolver.

Aceitar o que você não pode mudar

1 – perceber que você pode mudar apenas a si mesmo, e não outros.
2 – Permita-se ser imperfeito.

Superando os efeitos nocivos

 – Aprenda a superar os obstáculos com relaxamento.

A utilização de corticosteroides e stress

Muitos pacientes com artrite são prescritos corticosteroide, como a prednisona , como parte de seu plano de tratamento. Sem algumas medidas de precaução, o stress pode ser perigoso para alguém que toma corticosteroides. Os corticosteroides estão intimamente relacionados com o cortisol, que é um hormonizo produzido pelas glândulas supra-renais. O cortisol ajuda a regular o sal e água equilíbrio e hidratos de carbono, gordura e metabolismo de proteínas. Quando o corpo experimenta salientar a glândula libera um hormônio da hipófise que sinaliza as glândulas adrenais a produzir mais cortisol. O cortisol extra permite que o corpo para lide com o stress. Quando a tensão é longa, a produção de hormônio adrenal volta ao normal.

A utilização prolongada de corticosteroides resulta na produção diminuída de cortisol pelo corpo. Com a produção de cortisol insuficiente, o corpo poderia ser deixado suficientemente protegida contra o estresse e aberto a problemas adicionais, tais como febre ou pressão arterial baixa. Os médicos prescrevem frequentemente um aumento da dose de corticosteroides para compensar isto quando existe um evento estressante conhecido ou esperado.

 

Social Media
Social media manager, digital influencer, blogueira, youtuber e redatora, ativista em saúde motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide há 7 anos, patient advocacy, mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Social media manager, digital influencer, blogueira, youtuber e redatora, ativista em saúde motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide há 7 anos, patient advocacy, mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!