Coisas estranhas estão acontecendo? Pode ser efeito colateral do corticoide!

O corticoide é um medicamento usado em larga escala no tratamento da artrite reumatoide e outras doenças reumáticas e imunológicas, é um anti-inflamatório hormonal e analgésico, poderoso como nenhum outro, é mágico para salvar qualquer paciente de uma grande crise, uma boa dose, tira com a mão aquela grande dor, a maioria das pessoas com doenças reumáticas já fizeram uso da famosa prednisona e reconhecem que tem momentos que é impossível não necessitar desse tão querido e temido medicamento, porém, é um medicamento com efeitos colaterais impactantes, coisas estranhas acontecem com o corpo e a cabeça da pessoa que usa corticoide, é algo como céu e inferno, o alívio das dores é sensacional, mas a adaptação com os efeitos colaterais visíveis e invisíveis são aterrorizantes, só quem usa corticoide sabe como é, complicado, acordar eufórico, no meio do dia estar triste, chorar de soluçar sem motivo, no final da tarde estar melancólico e de noite sentir-se  agressivo e claro, ter insônia e uma ansiedade louca que te enche de vontade de comer chocolate com Coca-Cola ou qualquer coisa que não tem a mínima qualidade nutricional.
É importante conhecer alguns desses efeitos para saber identificar coisas estranhas que acontecem durante o uso do corticoide e levar todas essas considerações ao médico no dia da consulta, para que juntos possam fazer a avaliação se é ou não efeito do corticoide e qual a melhor decisão a ser tomada. Veja algumas das queixas mais recebidas no blog:

  • 917522618Aumento de peso: é comum ouvir “engordei porque tomei muito corticoide”, é importante desapegar dessa ideia, o corticoide não engorda, essa medicação traz um acúmulo de líquidos que chamamos de “edema” o famoso inchaço, porém, é um medicamento que interfere no fator ansiedade, então, compulsivamente sem perceber a pessoa em uso de corticoide pode ter uma grande queda por comer além do necessário ou sentir uma espécie de fome, mesmo após ter se alimentado devidamente;
  • Aumento da Ansiedade: o corticoide é uma forma química do hormônio cortisol, hormônio conhecido por “hormônio do stress”, por isso, quando em uso de corticoide a pessoa pode se sentir ansiosa, em constante expectativa e com a sensação de que algo vai acontecer, algumas pessoas se sentem deprimidas durante o uso de corticoide.
  • Variação de humor: sorrir e chorar ao mesmo tempo, essa é uma alteração de humor que acompanha o corticoide, num mesmo dia a pessoa pode ter seu humor alterado de várias formas, se tornando emotiva ou eufórica sem motivos aparentes, esse é um efeito colateral que afeta o relacionamento com as pessoas mais próximas, por isso é importante que as pessoas ao redor saibam que isso pode ser do medicamento e que logo vai passar;
  • Alteração do sono: como é o hormônio do stress, a padrão de sono pode ser alterado, insônia ou sonolência pode estar presente;
  • Compulsão por comer doce: sabe aquela vontade de comer chocolate, mas de comer chocolate todo dia?, Então, pode ser efeito do corticoide e pode ser também o motivo para o ganho de peso;
  • Estrias: está presente com o inchaço e sobrepeso, fique atento a qualidade da sua dieta e ao sobrepeso, o uso de corticoide, pode causar “inchaço”, por isso, é necessário reduzir o consumo de sódio (sal) e manter uma dieta equilibrada, com pouca gordura, açucar refinado e preferencialmente trocar a farinha branca pela integral (exemplo: arroz branco pelo integral – pão francês pelo pão integral).Importante reconhecer esses principais sinais do efeito corticoide, conte-os para o seu médico, converse sobre a necessidade de ajuste de dose, uso de medicamentos de apoio, caso seja necessário, ou até mesmo ajuda profissional externa, como por exemplo, acompanhamento com psicologo, médico nutrólogo e nutricionista, e claro ainda que não esteja fazendo acompanhamento com a nutricionista, faça controle da dieta e da compulsão alimentar, dessa forma estará evitando o ganho de peso e após a retirada do corticoide o retorno o peso anterior será mais fácil.
    Quando o corticoide é descontinuado, ou seja, quando o médico mandar diminuir a dose e ir parando, todo o peso adquirido pelo inchaço do corticoide pode ser recuperado, isso vai depender muito do controle alimentar rigoroso durante o uso, por isso, cuide-se e mantenha uma alimentação saudável e balanceada.
    Após a retirada e diminuição da dose, os efeitos sobre sono e humor também são controlados e tudo volta ao normal, dessa forma a vida segue tranquila como antes!

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

2 Comentários

  1. Fui diagnosticada há +- 9 meses, foi difícil aceitar, ter que tomar corticoides, mas pensei “pare de reclamar, isso não é nada perto de outras patologias, tem tratamento!!!” Na primeira semana já não sentia nenhuma dor, estava bem feliz, aumentei um pouco o peso, mesmo praticando corridas de rua e musculação. Mas depois de 7 meses comecei a sentir dores diárias novamente, com menor intensidade, a Reumato que me acompanha resolveu voltar aos 5mg de corticoide, pois já havia baixado para 2,5 mg. Ainda tenho dores e dependo de anti-inflamatórios, meu tratamento é com metotrextato. Os exames laboratoriais estão ótimos e isso me conforta. Fico agradecida a esse blog, realmente é mais um alento as informações e a possibilidade de compartilhar experiencias.
    Fé , força e coragem…

    • Olá, Edina
      É gratificante saber que o blog te ajuda a conviver em harmonia com a #AR, nosso objetivo é justamente esse, levar informações, compartilhar experiências e conforto as pessoas que convivem com o mesmo problema! #BemVinda!

Olá, deixe um comentário!