Medicamentos Sintomáticos

Medicamentos Sintomáticos, são aqueles que auxiliam no alívio da dor, porém não possuem capacidade de controlar/estabilizar a doença, o uso de medicamentos sintomáticos não deve ser feito sem orientação médica, e nunca deve ser seguido por conta própria, sem a orientação médica.

  • Anti-inflamatórios Não Hormonais
  • Analgésicos

  • Glicocorticóides

Anti-inflamatórios Não Hormonais

São indicados para diminuir a dor e a inflamação causadas pela artrite reumatoide, dificilmente seu tratamento sera realizado apenas com esse tipo de remédio, pois não promovem a redução de crises da doença, nem evitam sua evolução.

Outro problema é que seu uso contínuo pode provocar problemas estomacais, como gastrite e úlcera.
Glicocorticóides

Os  Glicocorticóides (cortisona, prednisona) podem ajudar a amenizar os sintomas na AR. Esses medicamentos estão relacionados com o cortisol, que é um hormônio que existe naturalmente no organismo e controla muitas funções importantes do corpo como pressão do sangue e pulsação. Não podemos viver sem o cortisol.

Se voce tomar altas doses de glicocorticóides alguns meses, os efeitos colaterais irão começar a ocorrer.

Efeitos Colaterais:

  • Aparecimento de hematoma.
  • Osteoporose (fragilidade dos ossos)
  • Catarata
  • Glaucoma.
  • Ganho de Peso, rosto redondo.
  • Sensibilidade às infecções.
  • Pressão Alta
  • Problemas Psiquiátricos

Benefícios:

O objetivo do uso do corticoide é chegar a menor dose efetiva, o que irá reduzir o aparecimento dos efeitos colaterais o máximo possivel. Entretanto, não se pode contar com os glicocorticóides como principal forma de tratamento para a maioria das pessoas com AR em todo curso da doença. Se você usar corticoide regularmente, converse com o médico sobre cálcio e vitaminas, assim como outros medicamentos e hormônios.Tomar glicocorticóides por um período prolongado pode fazer com que o corpo reduza ou perca a habilidade de produzir glicocorticóides.

É perigoso parar repentinamente ou reduzir significadamente a dose de glicocorticóides que você esta tomando, pois o seu corpo pode não estar preparado para começar a produzir o cortisol com a rapidez suficiente.

Glicocorticóides são às vezes injetados em uma ou mais articulações.

Infiltrações

Esses tratamento podem reduzir a inflamação nas articulações que estão inchadas e doloridas, ou que estejam frequentemente tendo sintomas.A injeção direta na articulação, através de seu efeito local, aumenta temporariamente seu funcionamento e evita a maioria dos efeitos colaterais indesejáveis que são vistos com comprimidos de glicocorticóides diários. As injeções podem desencadear um efeito sistêmico temporário. Essas injeções podem gerar efeitos perigosos nas articulações e administradas mais do que algumas vezes ao ano.

Infiltração é um procedimento médico, deve preferencialmente ser realizada por um médico reumatologista ou um médico Ortopedista. A infusão de corticoide direto na articulação, é uma excelente forma de alívio rápido da dor, porém a longo prazo, isso pode causa complicações como necrose da região óssea da região infundida. É preciso ter critério e indicação para infiltração, não use este procedimento como medida de alívio da dor, tudo tem seu preço e as infiltrações trazem complicações a longo prazo, se não forem realizadas apenas quando necessário.

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

3 Comentários

  1. Estava procurando alguma novidade no tratamento de artrite reumatóide então cheguei até voce. Covivo com a doença há 10 anos. Faço tratamento com metrotexato e com remicado, mas continuo tendo crises grandes.
    Gostei desse espaço de poder conversar com pessoas que vivem a mesma situação que a minha.
    Sou do interior da Paraíba. um abraço.

Olá, deixe um comentário!