INSS implanta auxílio-doença através de Atestado Médico Eletrônico

Foi publicada, no Diário Oficial União (DOU) da última sexta-feira (18/05), a Resolução INSS n° 202 que implanta auxílio-doença previdenciário com base em Atestado Médico Eletrônico.

A norma garante mais segurança no reconhecimento do direito de auxílio-doença previdenciário, com o uso do Atestado Médico Eletrônico, na busca do Benefício junto ao INSS. A concessão é válida para emissão via Certificação Digital.

De acordo com a Resolução, o documento deve ser emitido pela página do Ministério da Previdência Social (MPS) na internet www.previdencia.gov.br, através do link “Agência Eletrônica do Segurado”, com a utilização da certificação digital. O médico também precisa ser reconhecido como apto para o exercício da atividade, o que será feito por meio do cruzamento das informações com o Banco de Dados do Conselho Federal de Medicina (CFM).

O auxílio será validado nos casos de afastamento de até  dois (2)meses  e que seja solicitado no prazo de, no mínimo, 180 dias após a concessão do benefício anterior, de mesma natureza.

A Resolução ainda traz informações que devem constar no atestado como dados pessoais do segurado e do médico, bem como o motivo do afastamento.

Para ler a Resolução INSS n° 202, clique aqui.

Fonte: Sescon

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!