Fibromialgia: por que aparece, como percebe-la e como tratá-la

Fibromialgia é um distúrbio musculoesquelético. De acordo com o site WebMD, essa condição causa dores musculares e nas articulações, problemas de memória e de humor, além de fadiga.

Depois da osteoartrite, este é o segundo distúrbio musculoesquelético mais comum, mas, mesmo no mundo da medicina, ainda há dúvidas sobre esta doença.

Até o momento, não existe cura para a fibromialgia. As mulheres possuem mais propensão a sofrer deste distúrbio do que os homens. Os sintomas são semelhantes aos da osteoartrite, por isso é importante compreender os sinais e factores de risco para te certificares de que consegues todo o tratamento necessário.

Fatores de risco

De acordo com a Clínica Mayo, existem três principais fatores de risco que podem aumentar a possibilidade de você ter fibromialgia. Estes são:

Género. As mulheres desenvolvem o distúrbio com mais frequência do que os homens.

Doença reumática. Ter artrite reumatóide ou lúpus pode aumentar as suas chances.

Histórico familiar. Se alguém da família sofre de fibromialgia, tens mais chances de ter a doença.

Sintomas

Esta doença muitas vezes causa fadiga e dor generalizada. Pode dar a sensação de que algumas partes do corpo estão sobrecarregadas. Ela também pode influenciar hábitos de sono e causar depressão. Eis alguns outros sintomas:

• Secura na boca, nariz e olhos
• Dores de cabeça crônicas
• Hipersensibilidade ao frio e/ou calor
• Incapacidade de concentração
• Dor abdominal
• Síndrome do intestino irritável
• Dormência ou formigueiro nas mãos e nos pés
• Rigidez
• Incontinência

Tratamento

Para determinar se tens fibromialgia, o seu médico terá que fazer exames de sangue para eliminar outros problemas que podem causar dor e fadiga. Todas as outras possíveis causas devem ser eliminadas antes de um diagnóstico. Se tens certeza que tens fibromialgia, aqui estão alguns conselhos da Clínica Mayo.

Antidepressivos. Essa medicação pode ajudar com as dores e a fadiga que surgem com a fibromialgia. Certifica-te de consultar seu médico antes de tomar uma decisão.
Analgésicos. Podem ser usados para diminuir o desconforto e ajudar a dormir melhor. Pode ser qualquer medicamento, desde ibuprofeno a medicamentos para aliviar a dor que necessitem de receita.

Fonte: http://soutaoboa.com/fibromialgia-aparece/

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!