Entenda a diferença entre medicamentos biossimilares e medicamentos genéricos

Quais são as diferenças entre os medicamentos biossimilares e os medicamentos biológicos de referência?

É relativamente fácil fabricar uma cópia genérica exata de um medicamento sintético de marca por meio de uma série de reações químicas. Isso não é possível no caso dos medicamentos biossimilares.

Como o próprio nome indica, o medicamento biossimilar foi desenvolvido para ser uma versão muito similar do medicamento biológico que já foi aprovado. O medicamento já aprovado é muitas vezes chamado “produto de referência” ou “produto originador”. É quase impossível fazer uma cópia exata de qualquer medicamento biológico, incluindo os medicamentos biossimilares, por três motivos:

  • Primeiro, como os medicamentos biológicos são feitos em organismos vivos, sempre haverá algumas diferenças nas suas estruturas e características, mesmo que isso não afete a maneira pela qual o medicamento funciona.
  • Segundo, os medicamentos biológicos têm moléculas grandes e complexas, o que torna difícil a elucidação completa da sua estrutura.
  • Terceiro, o medicamento final é altamente dependente do processo de fabricação. Quando a patente do medicamento de referência expira, o fabricante não é obrigado a divulgar os detalhes precisos do processo de fabricação. Assim, cada fabricante de medicamentos biológicos precisa tomar suas próprias decisões sobre a linhagem celular a ser usada, as condições em que as células serão cultivadas, os compostos estabilizadores que serão usados, e a maneira como o medicamento será embalado e armazenado.

É importante notar que os biossimilares são desenvolvidos com intenção de corresponder a qualquer variabilidade encontrada nos produtos de referência.

Fonte: IAPO Américas

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!