Confesso que não sei o que é pior

Olá,meu nome é Andréa, descobri que tenho AR a sete anos, tomo medicações diariamente, principalmente o uso de corticoides, às vezes fico chateada e decido por não tomar mais as medicações e termino por novas crises, cada uma pior que a outra, esse ano tive por duas vezes derrame articular no joelho esquerdo, em consequência da Artrite reumatoide.
Nesse momento estou em crise,e confesso que não sei o que é pior, da artrite reumatoide se é a dor aparecer em várias articulações como nos dedos das mãos, punhos, cotovelos, ombros, quadris, tornozelos e dedos dos pés, ou ficar com AR instalada por muito tempo no joelho.
Preciso aceitar que tenho uma doença crônica e auto-imune, que não tem cura, apenas controle como outra qualquer, e que existe pessoas em situações piores e que são totalmente bem resolvidas apesar de seus problemas de saúde.
Forte abraço a todos.

Dor Compartilhada é Dor Diminuída“, conte a sua história e entenda que ao escrever praticamos uma autoterapia e sua história pode ajudar alguém a viver melhor com a doença!

“Conte a sua História”

www.artritereumatoide.blog.br/conte-a-sua-historia/
Doe a sua história!

 

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

11 Comentários

  1. Olá Andréa, eu me vi em seu depoimento, eu não sei o que é pior as reações dos medicamentos ou a progressão da doença, ainda não aceito a doença tb, mas precisamos nos libertar o quanto antes para vivermos melhor com AR, olha eu dando conselho ? Nem acredito kkkk é isso aí companheira vamos a luta… conte comigo.

  2. Olá Andréa!
    Nesse momento espero que vc tenha muita fé,é o que me conforta..tb tenho artrite, estou com 32 anos e tenho desde os 25 estou pensando em ter um filho , mais estou com medo de não conseguir cuidar por causa das dores..peço força e orientação a Deus, pois sem ele não somos nada! Um bj pra vc ..conte comigo quando precisar..

  3. Ola’ Andreia , tambem tenho artrite desde os 4 anos de idade ‘ so quem tem e sabe o que é sentir dor de verdade, sinto mtas dores também , meus joelhos incham muito , é um incomodo terrivél ,peço muito pra Deus que não venha piorar , pq sei que não tem cura… é isso tamos junta nessa….. Bjs

Olá, deixe um comentário!