Apesar de tudo sou uma pessoa feliz

Sou Cristina Leme, tenho 51 anos e AR a 7 anos. Estava trabalhando como vendedora externa quando travei completamente a ponto de não poder descer do carro, fui ao ortopedista e ele me tratou como tendo hernia de disco, e encaminhou para um neurologista que começou meu tratamento, embora meus exames não mostrassem nenhuma hernia de disco, só uma pequena protusão. Fiquei de cama por uns 3 meses com dores fortes em todas as juntas do meu corpo, após uns 6 meses depois deste tratamento o médico me mandou para um reumatologista que pelos exames constatou que eu tinha Espondilite Anquilosante e como consequência AR. Foi difícil para mim saber que minha coluna um dia vai endurecer de vez e que minhas juntas vão ficar cada dia piores. Faço tratamento com anti inflamatórios, analgésicos e um imunossupressor. Vivo um dia de cada vez, meu corpo doi inteiro todas as juntas 24 horas por dia, não consigo dormir direito nem viver normalmente mas sei que tem pessoas muito piores que eu então nem reclamo muito. Mas apesar de tudo isso sou uma pessoa feliz!

Dor Compartilhada é Dor Diminuída“, conte a sua história e entenda que ao escrever praticamos uma autoterapia e sua história pode ajudar alguém a viver melhor com a doença!

“Conte a sua História”

www.artritereumatoide.blog.br/conte-a-sua-historia/
Doe a sua história!

Jornalista

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

×
Jornalista Grupar EncontrAR

Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.

Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!