Tive que me aposentar por invalidez, coisa que eu não tinha planos para agora

 Na época em que eu descobri foi um grande susto para mim ter uma doença que não tem cura, somente controle. Fiquei apavorado, mas hoje estou bem.Tive que me aposentar por invalidez, coisa que eu não tinha planos para agora. Faço uso de medicamentos como metotrexato injetável, arava e já fiz muita infusão com orência, mas hoje já não uso mais.

Tive que fazer 2 cirurgias, uma na coluna e outra no quadril, hoje estou bem, só me estresso um pouco as vezes por causa de algumas limitações, mas estou  bem graças a Deus. Tive que me adaptar com algumas coisas, não estou 100%. O importante é ter muita fé que tudo vai melhorar e muito.

Me chamo José Maria da Silva, tenho 58 anos, convivo com a artrite reumatoide há 16 anos, sou encarregado de usinas hidrelétricas e moro na cidade de  Guarapuava – PR.

Se você gostou deste depoimento, participe enviando sua história através do formulário online > 

“Conte a sua História” 

 www.artritereumatoide.blog.br/conte-a-sua-historia/
Doe a sua história!

Jornalista
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
×
Jornalista Grupar EncontrAR
Jornalista, motivada pelo diagnóstico de artrite reumatoide aos 26 anos, “Patient Advocacy”, Arthritis Consumer, presidente do Grupo EncontrAR, vice-presidente do Grupar-RP, idealizadora dos Blogueiros da Saúde, eterna mobilizadora social em prol da qualidade de vida das pessoas com doenças crônicas no Brasil.
Anúncios

Comentário

comentários

Olá, deixe um comentário!